Problemas bucais também podem sinalizar AIDS

A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) é uma doença grave e que necessita de diagnóstico precoce. É muito importante que os indivíduos fiquem sempre atentos às alterações do organismo e, sempre que possível, busquem a orientação de um especialista, de modo a evitar consequências para a saúde. Saiba quais são os problemas bucais que podem sinalizar AIDS.

Conheça os famosos brasileiros que morreram de AIDS.

A AIDS é uma doença grave. por isso deve ser diagnosticada de forma precoce. (Foto: divulgação)

Saiba mais sobre a AIDS

A AIDS é uma doença ocasionada pelo HIV, o vírus da imunodeficiência adquirida. Este microrganismo é transmitido de pessoa para pessoa através do contato direto com sangue ou secreções do indivíduo infectado. O contato pode ser através de transfusões de sangue, agulhas infectadas, durante a relação sexual ou através da amamentação, desde que a mãe seja portadora da doença.

AIDS – Síndrome da Imunodeficiência Adquirida

O vírus causador da AIDS ocasiona o enfraquecimento do sistema imunológico (de defesa) do indivíduo. Como consequência, o organismo tem dificuldade em combater qualquer tipo de infecção que, quando não devidamente tratada, pode ocasionar a morte.

Diante de qualquer alteração, é ideal buscar a orientação de um especialista. (Foto: divulgação)

Conheça os problemas bucais que podem sinalizar AIDS

Um indivíduo portador do vírus do HIV pode ou não apresentar sinais da AIDS. Algumas vezes a pessoa manifesta patologias que podem ser sugestivas da doença, entre elas podemos citar os problemas bucais. Conheça abaixo alguns exemplos.

  • Gengivas machucadas e que estejam sangrando. Portadores do HIV podem apresentar sangramento gengival sem causa. As gengivas ficam mais finas, sangrando após alimentação ou escovação;
  • Presença de herpes na boca. Como a imunidade dos portadores da doença diminui, eles podem apresentar episódios repetidos de Herpes Labial e Herpes Zoster (No corpo). Quando esses sintomas aparecem com frequência, um médico deve ser procurado;
  • Presença de infecções por fungos, sendo o “sapinho” o mais comum. Placas brancas dentro da boca, que descamam facilmente, podem ser sinal de HIV. Isso ocorre porque os fungos não conseguem causar doença em indivíduos com a saúde normal. Nos portadores do vírus, a imunidade está tão baixa que o corpo não combate simples germes como fungos e a infecção aparece.

É necessário ressaltar que esses quadros infecciosos não dão o diagnóstico de AIDS. Mesmo os indivíduos que não sejam portadores do vírus do HIV podem apresentar os problemas bucais que foram anteriormente citados. A única forma de saber se uma pessoa está ou não infectada pelo vírus da AIDS, é através da realização do teste de HIV.

Conheça outros sinais alarmantes da AIDS

Separamos abaixo alguns exemplos de manifestações clínicas que podem sugerir que um indivíduo é portador da AIDS:

  • Perda de peso acentuada;
  • Tosse seca;
  • Febre alta e constante;
  • Sudorese noturna;
  • Ínguas em região de virilha, axilas e pescoço;
  • Diarreia que perdura mais do que uma semana;
  • Perda da memória;
  • Depressão;
  • Alterações neurológicas.

    Alguns problemas bucais podem sinalizar que o indivíduo é portador de AIDS. (Foto: divulgação)

A AIDS  é uma doença grave e que necessita de diagnóstico precoce e eficaz. Por isso, é muito importante que o indivíduo fique atento às manifestações clínicas e que, diante delas, busque a orientação de um especialista, de modo a evitar qualquer consequência. Além disso, o uso corriqueiro do preservativo durante as relações sexuais contribui para a prevenção desse problema de caráter mundial.

Conheça os alimentos que ajudam a preservar a saúde bucal.

Reply