Planilha de orçamento doméstico: dicas, como fazer

Muitas pessoas não sabem como fazer uma planilha de orçamento doméstico ou acham que não há necessidade de ter um controle de gastos, porém,…

Muitas pessoas não sabem como fazer uma planilha de orçamento doméstico ou acham que não há necessidade de ter um controle de gastos, porém, relacionar as suas despesas mensais fixas e variáveis é uma necessidade para quem deseja economizar ou quer sair do vermelho. Ao anotar cada vez que você gasta seu dinheiro com alguma coisa, seja um sorvete, uma roupa ou uma geladeira, você poderá analisar como os rendimentos familiares são gastos e ver se é preciso fazer cortes para investir e quitar débitos.

A planilha pode te ajudar a organizar seus gastos (Foto: divulgação)

Como fazer uma planilha de orçamento doméstico

Seguir as dicas para fazer uma planilha de orçamento doméstico permitem que você verifique onde pode cortar para garantir que uma parte do dinheiro será investido para a segurança do seu futuro. As despesas fixas como o aluguel, condomínio, água, luz e internet não podem ser eliminadas do orçamento, por outro lado, algumas mudanças simples como passar a lavar almoço para o trabalho, ao invés de almoçar em restaurantes todos os dias, ajudam a equilibrar as contas.

Economize cortando os supérfluos (Foto: divulgação)

Mesmo que você ganhe pouco, é possível seguir algumas dicas para economizar dinheiro e sugestões de como economizar nas despesas domésticas. Planilhas de orçamento doméstico como a desenvolvida pela BM&FBovespa são um modo simples de fazer o registro de suas despesas e receitas, para que seja possível verificar como o seu salário é gasto todos os meses e como você poderá investir uma parte do dinheiro.

Anote todos os seus gastos na planilha (Foto: divulgação)

Dicas de planilhas de orçamento doméstico

Quem quiser recorrer a uma planilha de orçamento doméstico pronta para download pode acessar o site do Portal Brasil e baixar a planilha para controle do orçamento familiar desenvolvida pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). A ferramenta foi produzida com o fim de ajudar os brasileiros a administrarem de forma mais eficaz o orçamento de sua casa e permite o acompanhamento da origem e do destino das receitas, a identificação dos hábitos de consumo e os gastos com serviços e bens essenciais, verificar o que pode ser controlado para que a as finanças fiquem em equilíbrio, fazer a previsão da renda para o mês seguinte, além de fazer o planejamento e a definição do que é prioridade no orçamento doméstico.

Leia Também:  Melhor opção de pagamento: crédito ou débito

Top