Otite: o que é, como tratar?

Algumas pessoas já passaram pelo terrível incômodo de ter uma infecção de ouvido. Para você conhecer um pouco mais sobre essa patologia comum, separamos…

Por Editorial MDT em 07/05/2012

A otite é um problema muito comum na população.

Algumas pessoas já passaram pelo terrível incômodo de ter uma infecção de ouvido. Para você conhecer um pouco mais sobre essa patologia comum, separamos algumas informações a respeito.

☰ CONTEÚDO

Definição de otite

A otite é um termo médico que designa infecção do ouvido. Ela pode ocorrer tanto no ouvido externo quanto no médio, podendo ser um quadro agudo ou crônico.

Entendendo o ouvido

O ouvido é um órgão que tem como função a audição e o equilíbrio do corpo. Ele é dividido em três partes:

  • Primeira divisão: orelha externa que é compreendida em pavilhão auricular e conduto auditivo, chegando até a membrana timpânica;
  • Segunda divisão: ouvido médio: cavidade preenchida por ar e se localiza no interior osso temporal (faz parte do crânio). Nele também se localizam a tuba auditiva que estabelece ligação com o nariz.
  • Terceira divisão: o labirinto possui uma parte destinada a audição (cóclea) e tem como função converter as ondas sonoras em estímulos elétricos que serão levados para o cérebro. A outra parte contribui para o equilíbrio do corpo.

Tipos de otite

A infecção do ouvido pode ser dividida em relação ao local acometido. Dessa forma, pode ser otite externa (acomete o ouvido externo) e a otite média (acomete o ouvido médio).

  • Otite externa

A causa da otite externa é comumente microrganismos como bactérias ou fungos. Em geral, sua infecção ocorre através de trauma na pele provocado por objetos, como por exemplo grampos e cotonetes. Além disso, indivíduos que realizam natação por muito tempo, podem ter seu desenvolvimento facilitado. Isso ocorre porque a água colabora na remoção da cera, que serve como proteção para o canal auditivo.

Leia também: como tirar água do ouvido.

  • Otite média

A otite média geralmente é ocasionada por bactérias ou vírus. Ela ocorre quando esses microrganismos provocam inflamação ou obstruções, que quando não adequadamente tratadas podem levar a surdez total. Esse tipo de otite costuma aparecer após gripes, resfriados, ou seja, infecções respiratórias em geral. Segundo dados de pesquisas, a otite média é a segunda doença mais comum na infância, seguida das infecções respiratórias.

Por ser uma doença que frequentemente ocorre na infância, veja também quais os sintomas da otite em bebês.

A otite em bebês possui sintomas um pouco diferentes da apresentada em adultos.

Quadro clínico e diagnóstico

Otite externa

  • Dor local intensa;
  • Diminuição da audição;
  • Secreção local;
  • Coceira.

Em geral o diagnóstico da otite externa é realizado através do quadro clínico apresentado pelo paciente e por meio do exame otológico, realizado pelo médico especialista.

Otite média

  • Dor intensa no local;
  • Diminuição da audição;
  • Febre;
  • Diminuição do apetite;
  • Secreção local.

Assim como o outro tipo de infecção do ouvido, a otite média é diagnosticada através da história clínica apresentada pelo paciente e através do exame otológico, realizado pelo médico especialista.

Tratamento

Otite externa

O tratamento da otite externa e da otite média é praticamente o mesmo e é baseado na seguinte forma:

  • Analgésicos (remédios para dor);
  • Antibióticos ou antifúngicos – dependendo do agente causador.

Veja mais a respeito do tratamento da otite em nosso site.

Para o diagnóstico é necessário o exame com um otoscópio.

A infecção de ouvido é um problema de saúde muito comum. Ela pode ocorrer tanto em adultos quanto em crianças. Diante de um quadro característico é preciso buscar uma orientação médica adequada, evitando que ocorram complicações da otite.

Top