Obesos comem com menos frequência, porém consomem mais calorias

Médicos são acostumados a alertar os perigos de passar longos períodos sem comer, pois, além de passar uma mensagem errada ao organismo, que passa…

Por Editorial MDT em 24/11/2011

(Imagem: Foto divulgação)

Médicos são acostumados a alertar os perigos de passar longos períodos sem comer, pois, além de passar uma mensagem errada ao organismo, que passa a acumular calorias consumidas, induz  a pessoa comer quantia maior em apenas uma refeição. Uma atual pesquisa exibe como esse método irregular está engordando a população.

De acordo com um estudo recente pessoas adultas acima do peso comem com menos frequência do que as que estão no peso normal. Embora realizem menos refeições, elas consomem mais calorias e são menos ativas do que aquelas que não tem quilos a mais.

“Pesquisas científicas já mostravam que a alimentação várias vezes ao dia está associada a um menor peso. Mas ninguém sabia o motivo”, disse Jessica Bachman, autora do estudo e tutora do setor de Nutrição e Dieta da Universidade de Marywood, na Pensilvânia. A pesquisa sobrepõe realces sobre a seriedade de se alimentar diversas vezes ao dia.

O estudo acompanhou 250 pessoas durante um ano, as quais foram separados em dois grupos de estudos amparados pelo Instituto Nacional de Saúde, dos Estados Unidos. Um dos estudos acompanhou homens e mulheres com o Índice de Massa Corporal (IMC) entre 25 e 47, números que caracterizam acima do peso ou extraordinariamente obesos.

Outro estudo avaliou pessoas com o peso normal, com IMC entre 19 e 24,9. Metade deles havia perdido cerca de 14 quilos e conseguiu conservar o mesmo peso por mais de cinco anos. Em média, os indivíduos com peso dentro do padrão consumiram três refeições e mais dois lanches durante dia, enquanto o grupo sobrepeso realizava apenas três refições e um lanche por dia.

O grupo que sustentou o peso consumia em média cerca de 1.800 calorias diárias, em comparação ao grupo  sobrepeso, os quais consumiam mais de 2.000 calorias por dia.

Segundo Bachman, os lanches ao longo do dia podem ajudar a prevenir o ganho de peso ao abater a amplitude do apetite. “Se você esperar dez horas até a próxima refeição, vai acabar consumindo muito mais comida”, explica.

O estudo também divulgou que aqueles de peso normal conseguiam sustentar o peso, era mais fisicamente resistentes e queimavam 3.000 calorias por semana com atividades físicas, enquanto que o grupo daqueles com sobre peso queimava somente 800 calorias ao longo da semana com as mesmas atividades físicas.

Top