O que é Síndrome de Asperger

O que é síndrome de Asperger? A síndrome de Asperger é um problema neurológico de aspecto autista, porém é necessário diferenciá-lo do autismo clássico.…

Síndrome de Asperger

O que é síndrome de Asperger?

A síndrome de Asperger é um problema neurológico de aspecto autista, porém é necessário diferenciá-lo do autismo clássico. No caso da síndrome de Asperger não ocorre nenhum atraso ou retardo global no desenvolvimento cognitivo ou da linguagem do indivíduo. A contrário, alguns podem apresentar facilidade na aprendizagem.

As crianças do sexo masculino são mais comumente afetadas, porém nem todas as pessoas que apresentam essa alteração irão desenvolver as formas clínicas da doença. Algumas pessoas afetadas podem levar uma vida normal e outras já nem tanto.

Quais são os sintomas mais comuns?

  • Dificuldade de interação social;
  • Dificuldades em expressar e processar emoções;
  • Interpretação muito literal da linguagem;
  • Dificuldade em mudanças.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico de síndrome de Asperger só pode ser dado por um especialista em psiquiatria, sendo que este segue alguns critérios clínicos que serão descritos abaixo:

  • A criança apresenta um prejuízo severo e persistente na interação social;
  • Desenvolvimento de padrões restritos e repetitivos de comportamento, interesses e atividades;
  • Prejuízo nas áreas social e ocupacional;
  • Não tem atraso significativo da linguagem;
  • Sem atrasos do desenvolvimento cognitivo ou adaptativo.

A época mais fácil em dar o diagnóstico é na infância, por isso nos adultos ocorre grande erro de diagnóstico.

Quais as características mais comuns e que devem ajudar a desconfiar da síndrome de Asperger?

1. Fique atento às habilidades sociais e ao controle emocional

  • Não gosta de contato social;
  • Prefere adultos à crianças;
  • Não gosta de esportes;
  • Não se enturma com outras crianças;
  • Não entende indiretas;
  • Prefere brincar sozinho;
  • Não gosta de sair de casa;
  • Não manifesta seus sentimentos;
  • Não tem malícia.
Leia Também:  Sugestões para montar um mural de recados

2. Em relação às habilidades de comunicação

  • Dificuldade de olhar nos olhos das outras pessoas;
  • Acredita em tudo que lhe é dito;
  • Tem pouco interesse pelo que é dito pelos outros;
  • Não consegue entender conversas longas;
  • Fala alto, em tom alto e peculiar e com extenso vocabulário;
  • Inventa vocabulários;
  • Em certas ocasiões, mostra-se muito perdido em seus pensamentos.

3. Quanto às habilidades de compreensão

  • Sente dificuldade em entender um problema;
  • Não compreende críticas ou castigo;
  • Tem uma ótima memória para dados e datas;
  • Tem interesse especial por cálculos;
  • Aprende a ler sozinho, ainda bem pequeno.

4. Possui interesses específicos, em relação a:

  • Quando gosta de algum tema que o fascina, ocupa grande parte do seu tempo realizando essa tarefa;
  • Adora a rotina;

5. Possui algumas habilidades de movimento.

  • Possui pobre coordenação motora;
  • Tem dificuldade em realizar atividades rotineiras como se vestir, desabotoar os botões, entre outras coisas.

6. Atentar a outras características, como:

  • Medo e angústia a sons altos de aparelhos elétricos;
  • Possui toques, como coceiras na pele e cabeça.

É necessário sempre estar atento a qualquer alteração e mudança de comportamento apresentadas pela criança. Vale ressaltar que apenas um especialista pode realizar o diagnóstico correto.

 

Síndrome de Asperger

Top