Holerite: o que ele deve informar?

Mês após mês é frequente nos depararmos com vários descontos e informações que não compreendemos em nossa folha de pagamento, como também alguns outros…

Mês após mês é frequente nos depararmos com vários descontos e informações que não compreendemos em nossa folha de pagamento, como também alguns outros detalhes que são primordiais sabermos sobre o que de fato se tratam. A falta de entendimento sobre alguns assuntos burocráticos geralmente são causas de inúmeros problemas e também desavenças no ambiente de trabalho. Assim sendo, nesta matéria entenderemos um pouco mais sobre o que um holerite deve mostrar, para que você se informe e tire as suas dúvidas. Saiba mais:

Entenda o seu holerite e veja as informações que ele deve conter (Foto: Divulgação)

O que um holerite deve apresentar

O primeiro item que um holerite deve informar é um cabeçalho composto com o nome da empresa e os dados do profissional, como RG, CPF, a data de admissão e, em alguns casos, também o PIS. Além do nome da empresa contratante com os devidos dados em conformidade, no corpo do holerite deve haver, em cinco colunas, os números dos dias trabalhados, valores a receber, o total de horas extras do funcionário e também os descontos efetuados, caso eles existam.

Um holerite deve informar com detalhes sobre todos os ganhos e descontos do funcionário (Foto: Divulgação)

Já no rodapé de uma folha de pagamento existem os valores do salário base do trabalhador, o montante calculado para a contribuição com o INSS, a garantia de tempo de serviço (FGTS) e também os valores declarados para o imposto de renda (IR).

Confira algumas dicas para pagar menos IR.

Entenda melhor o seu holerite

Para você se familiarizar com a linguagem trabalhista, veja o significado de alguns termos presentes não só no holerite, como também frequentemente empregados nas empresas:

Continuar Lendo  Linha de Alimentos Zaeli

Contribuição sindical: Uma vez por ano, conforme estipulado pela legislação, uma porcentagem do salário do trabalhador é revertido para o sindicato no qual o profissional esteja vinculado.

A contribuição sindical é necessária para assegurar o vínculo do trabalhador (Foto: Divulgação)

Previdência Privada e Convênio Médico: Em algumas empresas existe a funcionalidade de fazer uma previdência privada ou ter descontado as mensalidades de um plano de convênio médico. São recursos muitas vezes caros, porém necessários.

Declaração de imposto de renda: O IR é uma tarifa obrigatória para pessoas que recebem uma renda líquida de mais de R$ 1 499,15 ao mês, sendo um item primordial que o holerite deve informar no fechamento de um mês.

Leia também: Trabalho – Quando posso mover uma ação trabalhista?

Top