Diferenças dos Tipos de Champanhe

Diferenças dos Tipos de Champanhe

Conhecer as diferenças dos tipos de champanhe é algo essencial para quem está organizando uma festa. Essa bebida sofisticada e saborosa sempre está presente…

Por Isabella Moretti em 16/11/2014

Conhecer as diferenças dos tipos de champanhe é algo essencial para quem está organizando uma festa. Essa bebida sofisticada e saborosa sempre está presente nos eventos, como é o caso do natal, ano novo e casamento.

Diferenças dos Tipos de Champanhe. (Foto: Divulgação)

Champanhe é uma palavra de origem francesa, que dá nome a uma região que fica a leste de Paris. A bebida, que na verdade é uma espécie de vinho branco espumante, é preparada através da fermentação da uva. Acredita-se que quem estabeleceu as primeiras normas para a fabricação do champanhe foi o monge Don Pierre Pérignou, que vivia justamente nessa região que leva o nome de Champanhe.

Nem todo champanhe é igual. Há muitas variações com relação ao sabor e pode ser um tanto complicado conseguir harmonizar a bebida com as refeições.

Leia mais: Champagne Chandon – Preços

Diferenças dos Tipos de Champanhe

Os tipos de champanhe se distinguem com relação à espécie da uva. (Foto: Divulgação)

O champanhe é preparado, basicamente, com o mesmo tipo de fermentação do vinho. A única diferença é que o gás carbônico é aprisionado na própria garrafa para criar o efeito espumante ao abrir. Os tipos de champanhe, por sua vez, variam com relação à espécie de uva e o teor de açúcar.

A bebida nobre da França pode ser preparada com três espécies de uva: Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier. Confira a seguir as principais diferenças dos tipos de champanhe quanto ao teor de açúcar:

Extra-Brut – até 6g de açúcar por litro

Brut: de 6 a 15g de açúcar por litro

Extra-Dry – entre 12 e 20g de açúcar por litro

Séc – 17 a 35g de açúcar por litro

Demi-sec – entre 33 e 50g de açúcar por litro

Doux: aima de 50g de açúcar por litro

Champanhe, Espumante ou Prosecco?

O champanhe é uma bebida sofisticada que nasceu na França. (Foto: Divulgação)

Não são apenas os tipos de champanhes que causam dúvidas. A espumante e o prosecco também confundem o paladar de degustadores inexperientes. Para entender melhor as diferenças, é preciso conhecer as características de cada bebida separadamente.

Espumante

Todo champanhe é espumante, mas nem todo espumante é champanhe. Essa frase parece um pouco confusa, mas ela traduz bem a realidade dessa nobre bebida. Os especialistas definem espumante como um vinho que sofre duas fermentações naturais, sendo a primeira realizada em barris de carvalho para transformar o açúcar da uva em álcool. A segunda fermentação se dá em tanques de aço inox, tornando a bebida efervescente.

O Prosecco é uma exclusividade italiana. (Foto: Divulgação)

Prosecco

Embora todo champanhe seja espumante, nem todo champanhe é prosecco. Essa é mais uma afirmativa que gera dúvidas entre aqueles que não entendem do assunto. O prosecco é um pouco mais requintado do que o champanhe, já que ele é uma exclusividade na região de Veneto, na Itália.

Agora que você já conhece as diferenças dos tipos de champanhe, escolha a bebida com mais certeza.

Top