Dicas para escolher um tablet

Diante da popularização dos tablets, que vem acontecendo ao longo dos últimos dois anos, diversos fabricantes de eletrônicos passaram a investir no segmento e…

Diante da popularização dos tablets, que vem acontecendo ao longo dos últimos dois anos, diversos fabricantes de eletrônicos passaram a investir no segmento e lançaram os seus aparelhos no mercado, aumentando significativamente a oferta do produto.

Na dúvida sobre qual tablet escolher? Confira algumas dicas (Foto: Divulgação)

Com tantas opções de marcas, modelos e preços, muita gente fica em dúvida na hora de comprar um tablet, pensando se vale a pena investir em um aparelho mais caro e de marcas conceituadas ou se aquele tablet mais simples e muito mais barato, porém de fabricante desconhecido, pode se encaixar perfeitamente nas suas necessidades.

Se você é fã de tecnologia e está entre aquelas pessoas cheias de dúvidas a respeito de qual a melhor opção para comprar, confira algumas dicas para escolher um tablet.

Leia também: Vale a pena comprar um tablet?

Para as crianças: Tablet Gradiente infantil, preços, onde comprar

Sistema operacional

O iPad é um dos tablets mais cobiçados do mundo (Foto: Divulgação)

Quando se fala em sistema operacional do tablet, as opções encontradas na maioria dos aparelhos são o Android, desenvolvido pelo Google, e o iOS, da Apple, que está presente no iPad.

O iOS é um dos sistemas mais seguros do mundo, o que praticamente evita qualquer contaminação por vírus, além de trazer grande estabilidade e oferecer recursos exclusivos, o que resulta em preços mais altos. A versão mais recente é o iOS 6.1.3.

Os tablets Android são a maioria (Foto: Divulgação)

Já o Android está presente em tablets de marcas como Samsung, Motorola, Sony e Positivo, entre outras, oferecendo inúmeros recursos para os usuários e centenas de milhares de aplicativos, por preços mais em conta. Se optar por ele, dê preferência às versões mais recentes, a partir do Android 4.0.

Processador, memória RAM e capacidade de armazenamento

A configuração é um dos pontos principais para a escolha do tablet (Foto: Divulgação)

Para garantir o bom funcionamento do tablet e uma velocidade razoável, na hora de usar aplicativos e acessar a internet, é preciso contar com um processador de pelo menos 1 GHz e memória RAM de 512 MB ou 1 GB.

Não se esqueça ainda de conferir a capacidade de armazenamento do tablet (4 GB é o mínimo recomendável). Lembre-se que quanto maior o espaço, mais fotos, vídeos, músicas e aplicativos você poderá guardar. A entrada para cartão de memória pode ser muito útil, para expandir essa capacidade de armazenamento.

Conectividade

A conexão Wi-Fi é padrão em qualquer tablet. Mas para acessar a internet em qualquer lugar, o aparelho também deve oferecer suporte ao 3G (Foto: Divulgação)

Com relação às conectividades dos tablets, por padrão eles devem trazer pelo menos suporte às redes Wi-Fi. Mas se você irá utilizá-lo bastante em locais nos quais não há esse tipo de conexão, é importante optar por um modelo que também ofereça conexão 3G.

Câmeras

Todos os tablets trazem câmeras traseiras, mas somente alguns contam com câmera frontal, que é essencial para a realização de vídeo-chamadas (Foto: Divulgação)

Outra dica para comprar um tablet é com relação às câmeras. Geralmente, os modelos mais baratos só trazem câmeras traseiras, que não costumam ter mais que 5 MP de resolução. Se você quer fazer vídeo-chamadas, escolha uma versão que também disponibilize a câmera frontal.

Top