Curiosidades sobre o beijo

Que beijar é bom isso todo mundo sabe, mas o que poucos sabem é que o beijo possui alguns aspectos bem curiosos. Um beijo…

Que beijar é bom isso todo mundo sabe, mas o que poucos sabem é que o beijo possui alguns aspectos bem curiosos. Um beijo pode significar muitas coisas, pode envolver muitos sentimentos e fazer muitos corações felizes.

Uma pesquisa recente mostra que pessoas que beijam frequentemente são mais felizes, faltam menos a trabalho por motivo de doença, além de sofrerem menos acidentes de trabalho, menos doenças do aparelho circulatório, dor estômago, da vesícula, ganham de 20 a 30% a mais de quem não beija muito e vivem aproximadamente cinco anos a mais.

A explicação para todos estes benefícios causados pelo beijo é que quando se beija, há uma troca de energias positivas. Consequentemente para ter dias mais felizes e produtivos, uns bons beijos pela manhã, logo antes do trabalho podem servir como um estimulante.

Curiosidades sobre o beijo

Ao beijar, o ser humano movimenta, nada menos  que, 29 músculos, sendo 12 músculos do lábios e 17 da língua. Além da boca, outros sentidos entram em ação durante o beijo como o paladar, o olfato, audição, visão e tato.

Em cada troca de beijo são trocadas diversas substâncias e entre elas estão 9 mg de água; 0,7 de albumina, 0,18g de substâncias orgânicas; 0,711 mg de gorduras e 0,45 mg de sais. O beijo ainda pode repassar mais de 25 vírus e bactérias diferentes, já que os resíduos de saliva continuam na boca três dias após o beijo.

Além de todas essas trocas e benefícios, o beijo vem acompanhado de muita tradição e cada país possui a sua própria regra quanto ao beijo. Antigamente na Escócia, após celebrar a cerimônia de casamento, o padre beijava a noiva nos lábios para trazer sorte e felicidade no casamento.Depois, durante a festa, a noiva circulava pelo salão beijando todos os homens presentes que em troca lhe davam dinheiro.

Leia Também:  Rock in Rio: artistas brasileiros confirmados

Mas você sabe como beijar de língua?

No século XV, os nobres franceses podiam beijar qualquer mulher que desejassem, sem nem mesmo ter alguma ligação com a moça, enquanto na Itália, se um homem beijasse uma donzela em público, era imediatamente obrigado a se casar com ela.

A expressão Beijo Francês foi criada em 1920 e representa o famoso beijo apaixonado em que as línguas se entrelaçam. Já o beijo de esquimó, vem do significado da palavra beijo na linguagem dos esquimós, que na verdade significa cheirar, por isso o beijo de esquimó é conhecido por um leve toque entre narizes.

Certa vez, Olivel Cromwell chegou a proibir que fossem dados beijos aos domingos dentro do território da Inglaterra. E um grupo de americanos acreditava que o contato dos lábios era prejudicial à saúde. Os caras tinham tanta certeza que beijar fazia mal, que até chegaram a criar a Liga Antibeijo.

Ainda bem que hoje não temos mais esse problema e já não há mais restrições ao beijo. Já pensou como seria saber a quantidade de benefícios que um simples beijinho pode trazer e não poder dar nenhum?

Top