Cães medrosos demais: o que fazer?

Vários são os fatores que podem levar um bichinho a ter medo. Seja devido aos ruídos desconhecidos, a presença de outros animais de estimação…

Vários são os fatores que podem levar um bichinho a ter medo. Seja devido aos ruídos desconhecidos, a presença de outros animais de estimação por perto, pessoas estranhas ou ainda, por fatores psicológicos, muitas vezes lidar com medo em cães pode não ser uma tarefa fácil. Por isso, nesta matéria entenderemos um pouco sobre como podemos ajudar os cães medrosos demais de uma maneira precisa e eficiente, a fim de adquirir uma vida mais harmoniosa e saudável entre os donos e os seus pets. Saiba mais:

Se o seu cão se assemelha ao Coragem, o Cão Covarde, saiba como mudar essa situação (Foto: Divulgação)

O que fazer com um cão de estimação medroso

Primeiramente, devemos descartar a hipótese do problema ser neurológico, uma vez que este malefício apresenta alguns sintomas que apenas são identificados em exames médicos. O primeiro passo é tentar mudar o comportamento do cão, uma vez que se ele tem medo, é porque não se sente seguro ou não confia plenamente em você. Por isso, comece evitando brigas em sua casa, se movimentando de uma forma mais consciente e menos brusca e jamais expondo o animal à situações desafiadoras, como falar alto ou ouvir música alta, dar broncas etc.

Não exponha o cão às situações desafiadoras e tente aos poucos ganhar a sua confiança (Foto: Divulgação)

O segundo passo sobre o que fazer com um cão de estimação medroso é dispor de um local onde ele possa ficar sozinho e tranquilo – isto é, uma casinha no quintal ou uma caminha em um ambiente mais isolado de sua casa, etc. Assim, procure não invadir o território dele e aos poucos, vá chegando com calma, cedendo um petisco e deixando que o animal cheire você e gradualmente adquira confiança.

Leia Também:  Tratamento do diabetes tipo 2: novidades

Resolvendo o problema de cães medrosos

Após efetuados os passos anteriormente citados, é muito importante que você converse e brinque com o seu cachorro. Isso não fará ele acabar com o medo, porém estreitará o relacionamento com você, de um modo que ele possa ganhar ainda mais confiança. Passeios em locais próximos de sua casa também são indicados, porém evite permitir que o cachorro caminhe em locais muito tumultuosos.

Confira algumas dicas de brincadeiras com o cão.

Brinque com seu amiguinho para estreitar o laço de confiança (Foto: Divulgação)

Outro erro muito comum que as pessoas cometem ao lidar com um cão medroso é dar muita importância aos objetos barulhentos, como a máquina de lavar ou o aspirador de pó. Quando você for usar esses recursos, trate-os com naturalidade e procure não fazer os seus serviços de uma forma brusca, pois o animal entenderá que os objetos representam uma ameaça. Por fim, depois de ser muito paciente, caso o problema persista, contate imediatamente um veterinário para saber mais sobre a amplitude do malefício, visto que em alguns casos o cão precisará tomar um medicamento.

Veja também: Cães com medo de água – o que fazer.

 

Top