Aprenda a Escolher o Tapete Ideal para Cada Cômodo

O tapete é um acessório que costuma fazer a diferença na decoração, complementando o visual de vários ambientes. No entanto, não dá para usar…

O tapete é um acessório que costuma fazer a diferença na decoração, complementando o visual de vários ambientes. No entanto, não dá para usar um modelo sem antes avaliar os outros elementos e buscar as melhores combinações. Estampas, medidas, cores e materiais devem apresentar empatia num espaço decorado.

Nas lojas especializadas é possível encontrar várias opções de tapetes, uma variedade que busca satisfazer todos os gostos e estilos. Antes de comprar um determinado produto, o consumidor deve tomar alguns cuidados no momento da escolha, considerar as necessidades de cada cômodo e o equilíbrio com os outros itens.

As tendências de tapetes costumam ser bem democráticas e valorizam todos os ambientes. Há modelos clássicos e contemporâneos a venda, mas alguns são classificados como cafonas pela diversidade de cores ou acabamento. No entanto, nem sempre essa visão do brega está correta, já que o efeito do tapete depende do contexto onde ele é inserido.

Como escolher o tapete ideal?

Na hora de optar por um modelo de tapete, é fundamental encontrar um ponto de equilíbrio entre estética e funcionalidade. A peça deve ainda contribuir com a sensação de aconchego dentro de cada ambiente e fazer uma cobertura uniforme do chão. Avalie o formato, as estampas, o acabamento, a matéria-prima, o padrão e principalmente as cores antes de comprar.

O tapete é uma peça de decoração estratégica e acessória. Por exemplo, se a intenção é decorar um lugar com pouco espaço, é recomendado não exagerar na quantidade de tapetes. Caso a decoração seja mais clean, escolha modelos em cores neutras e com estampas geométricas discretas. O tom é uma questão que merece ser observada na hora de definir o tapete: modelos escuros funcionam bem em áreas amplas que necessitam de foco, enquanto os claros são mais indicados para espaços restritos para criar sensação de amplitude.

Leia Também:  Pisos para interiores: como escolher

A funcionalidade do tapete na decoração é evidente e viável em vários aspectos. Caso o chão apresente alguma irregularidade, a peça consegue disfarçar perfeitamente. A fácil limpeza também representa um fator importante para a escolha do tapete, por isso opte pelos modelos práticos.

O posicionamento do tapete no espaço requer atenção para que o seu efeito no ambiente não seja prejudicado. O preferencial é para peças confeccionadas com materiais naturais, padrões vivos e espessura fina. Os tapetes redondos estão sendo bem vindos nos ambientes, mas não são fáceis de conciliar com a distribuição dos móveis.

Veja a seguir algumas indicações de tapete para cada cômodo da casa:

Tapete para sala de estar: o modelo deve combinar com o estofado, de modo que os padrões não entrem em desequilíbrio. Outro acessório que deve estar de acordo com as cores do tapete é a cortina que veste a janela. Redondo, retangular ou quadrado, a peça precisa ter um tamanho condizente com o cômodo. Definitivamente a sala é o cômodo onde o tapete tem mais efeito.

Tapete para sala de jantar: nesse caso é muito importante ficar atendo ao tamanho e a posição. Verifique se cada borda tem 1 metro a mais do que o local ocupado pela mesa. Todas as cadeiras precisam estar posicionadas sobre o tapete.

Tapete para o quarto: a peça funciona de forma bem acessória, mas pode ser posiciona ao lado da cama, combinando com o visual da colcha ou cortina. Nos ambientes infantis, é comum os tapetes apresentarem ilustrações divertidas e coloridas.

Tapete para banheiro: pequeno, discreto e sutil. Pode ser confeccionado com tecido ou mesmo feito com material emborrachado para ficar perto da área de banho.

Leia Também:  Forno De Pizza Pré Fabricado

Tapete para cozinha: considerado uma peça básica e funcional que pode ser posicionada na porta ou perto da pia.

Tapete para entrada: toda casa que se preza tem um tapete receptivo, que na verdade são peças pequenas e confeccionadas com muito bom gosto. Dizeres como “Lar doce lar” e “Bem vindo” são típicos como acabamento.

Top