Após criticar Nintendo, grupo ativista PETA pede calma aos fãs de Mario Bros

Ontem, a Nintendo, responsável pelo título Super Mario 3D Land, novo jogo para o portátil 3DS, respondeu sobre as críticas feitas pelo grupo ativista…

Ontem, a Nintendo, responsável pelo título Super Mario 3D Land, novo jogo para o portátil 3DS, respondeu sobre as críticas feitas pelo grupo ativista PETA. Para os defensores dos animais, a “Nintendo passava uma imagem de que é OK vestir casacos de peles”. Segundo a Nintendo, “são transformações inocentes e divertidas que dão a Mario habilidades diferentes”.

O clima entre fãs de Mario e o PETA ficou pesado, principalmente depois que o grupo ativista divulgou um jogo onde um guaxinim deve recuperar a pele roubada pelo encanador. Os amantes do encanador mais famoso do planeta não pouparam críticas ao PETA durante o dia de ontem, o que obrigou os ativistas a publicarem uma nota esclarecendo o assunto.

“Fãs de Mario, tenham calma! O jogo da PETA tem como objetivo ser uma brincadeira, uma forma divertida de chamar a atenção sobre uma questão muito séria, o guaxinim que perde a sua pele. Ficaríamos felizes se o guaxinim de verdade pudesse voar ou atacar os seus inimigos com a sua cauda para escapar daqueles que tentam tirar proveito dele.”

Top