Americanos querem provar que existe vida fora da Terra até 2034

Americanos querem provar que existe vida fora da Terra até 2034, pois eles creem que existem mais seres pelo espaço do que as pessoas…

Americanos querem provar que existe vida fora da Terra até 2034, pois eles creem que existem mais seres pelo espaço do que as pessoas geralmente acham. Diante de uma reunião com parlamentares que aconteceu em Washington no último dia 22 de maio, cientistas falaram que são capazes de encontrar extraterrestres até o ano de 2034 caso o ritmo de pesquisa atual se mantenha.

Vida fora da Terra pode existir (Foto: Divulgação)

Leia também: Astrônomos descobrem três novos planetas com potencial para vida

Americanos querem provar que existe vida fora da Terra até 2034

“As chances de achar vida, eu penso, são boas. E, se acontecer, será nos próximos 20 anos, dependendo só do financiamento das pesquisas”, explicou Seth Shostak, que é um astrônomo ligado ao Instituto SETI (sigla para Busca de Inteligência Extraterrestre, em inglês), instituição que se dedica a esse tipo de pesquisa.

Até 2034 pode ser provado que existe vida fora da Terra (Foto: Divulgação)

Como descobrir se existe vida fora da terra?

Segundo informações dos pesquisadores, três caminhos vão sendo usados na busca de vida fora do planeta Terra. O primeiro caminho de pesquisas consiste na verificação dos corpos celestes mais próximos de nós. Isso porque muitos corpos celestes do sistema solar podem conter vida.

Em um segundo método é o de busca de sinais de oxigênio e metano em outros planetas. Na Terra, estes dois elementos estão ligados à existência da vida.

Saiba mais informações sobre: Fotos De Marcianos Fotografadas Pelo Robô Spirit Da Nasa

Existe também uma terceira técnica utilizada nessas pesquisas, sendo que os cientistas buscam alienígenas que tentam se comunicar, ou seja, a pesquisa tenta localizar possíveis sinais de telecomunicações transmitidos por extraterrestres evoluídos.

Continuar Lendo  Ex-taxista é a primeira pessoa a ser mumificada em 3 mil anos

“Se nós estamos transmitindo sinais, talvez outras civilizações estejam enviando sinais em nossa direção”, declarou em Washington Dan Werthimer, pesquisador da Universidade da Califórnia.

“O fato de não termos achado nada até agora não significa nada. Nós estamos apenas começando agora a procurar”, declarou Shostak.

Top