Água oxigenada para clarear os dentes: sim ou não?

O sorriso é o centro das atenções e, consequentemente, o cartão postal do rosto. Ter dentes belos e bem cuidados é indispensável para garantir…

O sorriso é o centro das atenções e, consequentemente, o cartão postal do rosto. Ter dentes belos e bem cuidados é indispensável para garantir um bom visual, e na busca por tratamentos estéticos alternativos aos métodos tradicionais de clareamento dental, algumas pessoas acabam recorrendo a terapias bastante questionáveis. Esclareça algumas dúvidas sobre o assunto e saiba se o uso de água oxigenada para clarear os dentes funciona.

Realizar o clareamento com profissional qualificado é garantia de bons resultados. (Foto: divulgação)

Usar ou não água oxigenada

Depois da moda do bicarbonato de sódio, do uso do carvão ativado e da casca de banana, a nova onda é o uso de água oxigenada para branquear os dentes. A primeira pergunta que vem a mente das pessoas é se esse método funciona na prática, e a resposta é : não.

Atualmente estão disponíveis no mercado dois produtos capazes de clarear os dentes: o peróxido de hidrogênio e o peróxido de carbamida. Ocorre que durante aplicação da carbamida, ela sofre uma oxidação e se transforma em peróxido de hidrogênio, ou seja, é esse o produto verdadeiramente responsável pelo clareamento.

Muitas pessoas podem estar se perguntando “se água oxigenada é peróxido de hidrogênio, por que não funciona?”. Acontece que a apresentação da água oxigenada, de 10 volumes, que comumente vendida nas farmácias, apresenta uma concentração de apenas 3% de peróxido de hidrogênio. Para se obter um efeito clareador, seria necessário que a substância estivesse em contato com os dentes por, no mínimo, 30 minutos a 1 hora.

O clareamento dental é um tratamento que melhora o visual. (Foto: divulgação)

Isso significa que, para se obter um efeito clareador seria preciso bochechar 10 ml de água oxigenada durante, pelo menos, 30 minutos. É claro que o resultado seria uma musculatura fadigada, além de uma grave irritação na mucosa gengival, que acaba sendo queimada. O problema é que os dentes permaneceriam da mesma cor, pois seria preciso, no mínimo, repetir todo o procedimento por 15 dias consecutivos para notar alguma mudança.

Leia Também:  Automassagem anticelulite: como fazer

Dicas para quem quer ter dentes claros

A busca por um sorrido mais branco não é tão simples, e adotar métodos alternativos para clarear os dentes pode acabar colocando a saúde em risco. A melhor opção para conseguir resultados satisfatórios e com total segurança é através do auxílio de um profissional bem qualificado. Existem várias formas de clareamento dental, entretanto é preciso avaliar uma série de fatores para encontrar o método mais indicado para cada situação.

Tentar clarear os dentes com água oxigenada não é uma boa ideia. (Foto: divulgação)

O uso de água oxigenada para clarear os dentes é uma prática que, além de não funcionar, pode acarretar sérios problemas para a saúde bucal. Por isso é fundamental se manter bem informado e evitar práticas perigosas.

Top