Search

Medida do CMN autoriza troca de real por dólar em caixas eletrônicos

Para facilitar a vida dos turistas, o CMN vai investir em máquinas cambiadoras, que realizarão operações de câmbio com mais facilidade e sem tanta burocracia.
Google plus

Por causa dos eventos esportivos que acontecerão nos próximos anos, Brasil terá caixas eletrônicos para operações de câmbio. (Foto:Divulgação)

Com o objetivo de facilitar as operações de câmbio o Brasil durante a Copa do Mundo de 2014, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou à medida que determina o uso de caixa eletrônico para trocar o real por moedas estrangeiras e vice-versa. A aprovação aconteceu oficialmente na última quinta-feira (26).

Leia mais: Dicas para comprar dólares

Terminais eletrônicos para a troca de moeda

Para recepcionar os turistas, inclusive os atletas, o Brasil está investindo na formação da população e agora também aposta em facilidades para a vida financeira dos estrangeiros. Com a nova medida do CMN, os turistas não enfrentarão tanta burocracia para efetuar a troca da moeda em solo brasileiro. De acordo com as autoridades que aprovaram a ideia, as facilidades de câmbio condizem com as necessidades dos grandes eventos esportivos que serão sediados no Brasil nos próximos anos, ou seja, Copa 2014 e Olimpíadas 2016.

O limite para cada operação de câmbio em terminais eletrônicos será de 3 mil dólares e as instituições financeiras autorizadas a operar no mercado cambial continuam responsáveis pela segurança e viabilidade da troca da moeda.

Máquinas permitirão a troca de real por dólar e vice-versa. (Foto:Divulgação)

Geraldo Magela Siqueira, secretário-executivo do Banco Central, declarou que os terminais eletrônicos não servirão para saques de recursos. Para obter dólares, por exemplo, o turista terá que inserir na máquina uma determinada quantidade de reais e efetuar a troca.

Máquinas cambiadoras no Brasil

Embora atualmente não existam terminais de autoatendimento capazes de realizar operações de câmbio, o Banco Central vai trabalhar em parceria com as principais instituições financeiras do país para desenvolver e disponibilizar os equipamentos.

Nos Estados Unidos e na Europa, as máquinas cambiadoras já existem e permitem a troca imediata de diferentes tipos de moeda. No equipamento tradicional que opera hoje no Brasil, os saques são permitidos através do cartão de crédito e os valores aparecem na fatura. Entretanto, o câmbio operado em caixa eletrônico será uma novidade que trará grandes contribuições para o país, especialmente nos centros turísticos.

A nova medida simplifica as operações de câmbio para pequenos valores. (Foto:Divulgação)

As autoridades financeiras alertam que a medida do CMN simplifica as operações de câmbio para pequenos valores, mas não descarta algumas responsabilidades importantes para que aconteça a conversão da moeda. As pessoas interessadas em usufruir do novo serviço terão que se identificar através do uso de cartão internacional. O Banco Central também dará prioridade para a segurança dos equipamentos e irá instalá-los em áreas com grande concentração de turistas, como aeroportos e supermercados.

Com a nova medida, o Banco Central também pretende democratizar o acesso às máquinas de operações de câmbio. Segundo a regra antiga, somente empresas cadastradas no Ministério do Turismo podem oferecer o serviço de troca de moedas, como é o caso dos hotéis e agências de viagem. Entretanto, com a nova regra, todos os tipos de empresas podem manifestar interesse pela função de correspondente cambial, até mesmo uma padaria.

Veja também: Casas de Cambio em SP – Troca de Moedas Estrangeiras


Google plus


Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top