Menu

Notícias

Atualizado em 16 de dezembro de 2008, às 13:06 por Editorial MDT
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Colchões Magnéticos

colchao magnetico Colchões Magnéticos

São poucos os fabricantes nacionais que fabricam bons ou verdadeiros colchões magnéticos, que durem pelo menos 4 anos antes de se tornar um colchão cheio de ferro cujo magnetismo artificialmente induzido terá desaparecido.

Temos, entretanto, muitos enganos que têm publicidade até mesmo na televisão e rádio, cuja cobertura magnética na área total é no máximo de 3% (num colchão de casal tem uma área magnética menor que a sua mão e espero que acerte com ela).

Outro colchão não tem nada de magnético, ou contém um ímã de áudio ou alguns mais espalhados.
Mas estes colchões, além do preço muitas vezes exagerado e inadequado (os bons não são perigosos para a saúde pública), temos colchões magnéticos sem qualquer calibração quando se sabe que o limite deverá se situar entre os 700 Gauss e os 800 Gauss. Muitos colchões ultrapassam os 1000 Gauss devido a não serem calibrados causando insônia e irritabilidade, impedindo o ato de dormir e repousar além dos severos danos semelhantes à poluição eletromagnética, emanada por todos os aparelhos e instalações elétricas que nos rodeiam…

Aquilo que alguns vendedores de marcas não sérias deste tipo de colchões irão omitir é que a empresa precisa possuir Certificação do IMAS – Instituto Matheus de Souza – principal entidade reguladora de campos magnéticos no Brasil (a Cia do Sono é única que possui tal certificação no Brasil, até o momento).

É claro que o fabricante dos colchões utilizados nos estudos era um fabricante de colchões magnéticos de qualidade calibrada nos 700m GAUSS e, de certeza não eram produtos mal fabricados como se descreveu anteriormente, que prejudicam e não ajudam.

É importante também saber que nenhum colchão é milagroso. Os benefícios dos produtos magnéticos e com infravermelho com as Certificações ISO 90001:2000, IMAS, SBRTO e ANQ são complementos importantes para auxiliar nosso organismo a funcionar melhor, auxiliar na recuperação de músculos e nervos e da saúde em geral. Mas não se destinam à “cura” como muitos vendedores costumam afirmar…

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.