Menu
Você está em: MundoDasTribos > Bitcoin, dinheiro digital: como funciona

A moeda digital, criada em 2009 por um programador japonês, tem sido cada vez mais utilizada e aceita em diversos locais.
Por Andre -

Criado em 2009 por Satoshi Nakamoto, o Bitcoin é uma moeda digital que, diferentemente das moedas convencionais, como o real e o dólar, não possui uma central de gerenciamento, como o Banco Central, responsável por gerenciar o dinheiro que circula por todo o Brasil.

Símbolo do Bitcoin (Foto: Divulgação)

Utilizando um complexo esquema matemático de criptografia para garantir a sua segurança, o dinheiro digital tem como base as redes peer-to-peer (P2P), aquelas mesmas através das quais você baixa músicas, filmes e outros tipos de arquivos. Vem daí o “bit” da palavra, que se refere ao BitTorrent, um dos gerenciadores de torrents mais populares.

Dessa forma, o Bitcoin usa bancos de dados espalhados pelos nós da rede P2P que é formada, para registrar as transações, não necessitando de nenhum emissor centralizado. Essa característica da moeda digital faz com que seja inviável o seu controle por parte de alguma autoridade, o que evita a inflação, por exemplo.

Como funciona o Bitcoin

Algumas moedas de bitcoins já chegaram a ser cunhadas (Foto: Divulgação)

O funcionamento do Bitcoin se dá através de uma rede de dados que se expande em blocos, gerados a cada dez minutos, em média, por meio de uma complexa fórmula matemática, realizada com base no bloco anterior, formando uma corrente e evitando a criação de transações e moedas falsas.

Cada bloco traz as informações a respeito das transações realizadas, apesar de os participantes serem anônimos. Tal medida evita que as moedas do Bitcoin, também conhecidas como “BTC”, sejam gastas duas vezes ou utilizadas por outras pessoas que não o proprietário. É assim que o dinheiro digital nasce, através de “mineradores virtuais”, que utilizam computadores com altas capacidades de processamento para criar mais moedas virtuais.

Com relação à cotação do Bitcoin, ela varia de acordo com a demanda pelo dinheiro digital, ou seja, quanto maior a procura, mais alto o seu valor. A título de curiosidade, em abril desse ano, cada unidade de BTC chegou a valer US$ 266,00.

O que comprar com o Bitcoin

Diversos locais, inclusive no Brasil, já aceitam o dinheiro digital (Foto: Divulgação)

Tornando-se cada vez mais popular e ganhando o conceito de uma moeda global, que futuramente poderá ser aceita em qualquer lugar, o Bitcoin já pode ser usado para comprar diversos bens e serviços.

A lista de locais que aceitam a moeda digital como forma de pagamento é bem grande, principalmente na Europa, onde bares, restaurantes, hotéis, lojas de roupas, universidades e táxis podem ser pagos com Bitcoin.

No Brasil, um exemplo de local que aceita a moeda BTC é a Pousada Kyrios, localizada em São Sebastião, no litoral de São Paulo.


RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL