Xampu da linha de bebês da Johnson & Johnson contém substâncias cancerígenas, afirma ONG

A ONG americana “Campanha por Cosméticos Seguros” (Campaign for Safe Cosmetics) declarou nesta terça-feira (1) que a Johnson & Johnson utiliza substâncias cancerígenas em…

A ONG americana “Campanha por Cosméticos Seguros” (Campaign for Safe Cosmetics) declarou nesta terça-feira (1) que a Johnson & Johnson utiliza substâncias cancerígenas em sua fórmula de xampu para bebês.

O xampu em questão faz parte da linha Johnson’s Baby e os componentes que causam a discórdia tem como principais exemplos 1,4-dioxano e quatenium-15, que liberam formaldeído – substância que pode causar câncer.

O problema não veio a tona agora: ele está sendo divulgado há pelo menos dois anos pela ONG, e diante do insucesso das tentativas os organizadores aumentaram sua campanha em prol de um boicote até que a marca aceite substituir tais componentes de produtos em todo o mundo. Isso porque a ONG analisou rótulos dos produtos vendidos em 13 países e constatou que em quatro deles – Estados Unidos, Canadá, Austrália, China e Indonésia – o xampu continha o quatenium -15 enquanto os vendidos na Finlândia, Dinamarca, Japão, Noruega, Holanda, Suécia, África do Sul e Inglaterra não continham o formaldeído.

Em resposta, a Johnson & Johnson informou em nota que está reduzindo ou retirando as duas substâncias de forma gradual, afirmando também que o uso praticado pela marca é feito de forma segura e aprovada por órgãos reguladores dos respectivos países de venda, incluindo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no Brasil e a FDA (Food and Drug Administration).

Top