sábado, 1 de outubro de 2022 - 01/10/2022 04:16:55
MundodasTribos

O governo federal está trabalhando para identificar quem recebeu o auxílio emergencial de forma indevida, não atendendo aos requisitos exigidos para se qualificar ao benefício. Nas últimas semanas, muitas pessoas estão sendo convocadas a restituir o dinheiro recebido. 

 No caso dos MEI, que receberam o valor do subsídio, deverão prestar contas da restituição do dinheiro através do imposto de renda, sob pena de pagamento de cobranças extras a título de multa.

O que este artigo aborda:

Em que situação o MEI precisa restituir o valor do auxílio emergencial?

Os microempreendedores individuais precisam devolver o benefício recebido se seus ganhos anuais forem acima de R$22,8 mil. Esse foi o limite que o governo estabeleceu para ser elegível ao benefício, aqueles MEIs que ultrapassarem esse teto deverão reembolsar o valor do auxílio emergencial.

A restituição deverá contar no pagamento do imposto de renda. No entanto, esse imposto só é obrigatório para aqueles cujo ganho anual é maior que R$28 mil, e a devolução do benefício deve ser feita por quem ganhou acima de R$22,8 mil, apesar disso, esses MEIs devem devolver a assistência recebida indevidamente. Caso não efetue a restituição,  uma dívida de R$165,74 a título de multa será gerada e pode chegar até 20% no que diz respeito ao valor do imposto de renda.

Outras pessoas também precisam devolver o auxílio ganho indevidamente. Pessoas que receberam outros tipos de assistências como aposentadoria, BEm, seguro desemprego deverão realizar a devolução. Quem estava trabalhando na época do recebimento e que não atendem aos requisitos também serão cobrados a devolver.

Veja se MEI precisa devolver o Auxílio Emergencial

Fonte/Reprodução: Portal Regularize

Como o MEI deve fazer a devolução?

Para fazer a devolução do auxílio emergencial, o MEI deve aguardar a notificação do governo na geração da DARFs, encontrado no portal Regularize. Com esse documento em mãos, só precisa efetuar o pagamento na agência bancária ou via internet. Importante frisar a necessidade de prestar conta do valor devolvido no pagamento do Imposto de Renda.

A guia de pagamento da restituição para o cidadão é acessado no portal gov.br/devolucaoae, basta informar o CPF ou, se recebe Bolsa Família, o NIS, seguir as instruções, informar os documentos exigidos e esperar gerar a Guia de Recolhimento da União (GRU).

O conteúdo "Veja se MEI precisa devolver o Auxílio Emergencial" foi feito por Felipo Bellini e distribuído por MundodasTribos na categoria Notícias em . Conteúdo atualizado em .

Felipo Bellini

Empresário, Tradutor e professor formado em Letras Inglês. Atualmente gerencio a empresa Tutora.me - Uma rede social de educação que visa a interação entre professores e alunos - e a empresa Traduza.biz - especializada em tradução acadêmica.

1

Pode ser do seu interesse

Cores da Moda Combinação Perfeita

Cores da Moda Combinação Perfeita

Trabalhe Conosco Telefônica – Cadastro de Currículo

Trabalhe Conosco Telefônica – Cadastro de Currículo

Tênis em Atacado Onde Comprar, Preços

Tênis em Atacado Onde Comprar, Preços

Dicas de estudo para Enem 2015

Dicas de estudo para Enem 2015

Abyara Ímoveis Prontos

Abyara Ímoveis Prontos

Curso de Produção de Vestuário Senai SP

Curso de Produção de Vestuário Senai SP