Primeiro dia de aula do filho: como ajudar

O primeiro dia da criança na escola pode ser bastante complicado, tanto para o pequenino como para os pais. É preciso que cada família…

O primeiro dia da criança na escola pode ser bastante complicado, tanto para o pequenino como para os pais. É preciso que cada família sinta o momento mais adequado para apresentar à criança esse mundo diferente, onde a presença de inúmeros coleguinhas de turma nem sempre compensa a ausência dos pais. Confira dicas de como ajudar no primeiro dia de aula do filho.

Saiba o que fazer quando a criança não quer ir à escola.

Na hora de se despedir os pais devem ser naturais e sinceros. (Foto: divulgação)

Dicas para o primeiro dia de aula

Muito mais importante do que adotar medidas emergenciais para contornar a situação e fazer o pequeno entender a necessidade de ir à escola, é trabalhar o tema antecipadamente, a fim de preparar a criança para separação dos pais, que geralmente é a parte mais crítica de todo processo. Para ajudar nesse trabalho, confira algumas dicas:

  • É muito importante que a criança seja incentivada a ir à escola. Uma maneira eficiente e bastante simples de conseguir ótimos resultados é sempre falar deste tema com animação, transmitindo positividade para a criança;
  • Longas explicações sobre o funcionamento do ambiente escolar, duração das aulas, tempo de ausência dos pais e coisas do tipo devem ser evitados, pois ao invés de ajudar, acabam criando mais insegurança e ansiedade desnecessárias;
  • É bastante recomendado que os pais levem a criança para antecipadamente conhecer a escola, deixando ela se ambientar pelo tempo que achar necessário;
  • Os pais devem ficar muito atentos com relação a suas posturas frente a criança, pois não é incomum transmitirem mensagens contraditórias, como, por exemplo, oferecer recompensas para não faltar na aula ou tratar os filhos como “coitadinhos” por estarem acordando cedo. Ir à escola não pode parecer ser um castigo ou algo do tipo;

    Para estimular a criança é recomendado sempre tocar no assunto com animação. (Foto: divulgação)

  • Os primeiros dias de aula são os de maior tensão. Por isso é aconselhável que o familiar que vai levar a criança à aula tenha disponibilidade para ficar na escola durante o processo de adaptação da criança, de acordo com a orientação psicopedagógica;
  • Os pais devem entender que o choro no momento da separação é algo bastante comum e que faz parte de todo processo. Nesse momento é importante não perder o controle e mudar de ideia, levando a criança para casa;
  •  É muito mais difícil sair do colo dos pais para ser entregue à professora. Por essa razão a criança deve ser conduzida caminhando até a entrada da escola;
  • Ao se despedir do filho, os pais não devem mentir e muito menos sair escondidos. É necessário agir naturalmente e ser sincero em dizer que vai embora, mas que assim que terminar a aula, volta para buscá-lo. Essa é a melhor maneira de fazer com que o pequeno ganhe confiança;
Leia Também:  Esmaltes SADOK da Speciallità

Aprenda a preparar lanches saudáveis para volta às aulas.

É importante que a criança caminhe, ao invés de ir no colo. (Foto: divulgação)

Seguindo as recomendações é muito mais fácil tornar o primeiro dia na escola muito menos traumatizante. Vale a pena lembrar aos pais que cada criança é única e necessita de um tempo de adaptação diferente, e não é porque o primeiro filho se adaptou com facilidade que o segundo será igual.

Top