PIX já é o 2º meio de pagamento à vista mais usado

Felipo Bellini 01/09/2021 Economia

O Pix, método de pagamento a vista, rápido e prático implantado a menos de um ano, já é o segundo método mais utilizado pelos brasileiros para efetuar compras e transferências, segundo apuração do CNDL. Esses dados foram levantados escutando 800 pessoas, maiores de 18 anos, em todas as capitais do país.

O sucesso do Pix já pode ser observado, pois, em pouquíssimo tempo de uso ele já começa a ganhar bastante destaque na vida dos brasileiros, tanto que, alguns estabelecimentos oferecem benefícios aos clientes que utilizarem esse método.

PIX já é o 2º meio de pagamento à vista mais usado

Fonte/Reprodução: Banco Central do Brasil

Esse método de pagamento não está livre do cometimento de crimes, como meio de diminuir a ocorrência de delitos envolvendo o mecanismo, o BC decidiu diminuir o valor limite para transferência entre as 20h e 6h da manhã para R$1000,00.

O que explica a popularidade do Pix?

Muitos usuários afirmam que a simplicidade e a rapidez da operação são os principais pontos fortes do Pix, outro ponto é que, por conta da crise de saúde, evitar contato físico com cédulas de dinheiro e máquinas de cartão é muito importante para se manter seguro. Cerca de 80 milhões de usuários já fizeram no mínimo uma operação por Pix.

Para que as pessoas estão mais utilizando o Pix?

A maioria das pessoas está usando o Pix para transferência de valores para amigos e familiares, com 88% entre os consultados pelo estudo. A utilização para o pagamento por serviços aparece com 40%, seguido por compras na internet com 26%, compra de alimentos com 18%, restaurantes com 17% e consultas médicas com 12%.

Se tratando de compras pela internet, o cartão de crédito ainda é o meio preferido dos usuários, com cerca de 52% das operações, contra 26% do Pix. No pagamento de contas, o uso de dinheiro em espécie ainda lidera as estatísticas. 

Nas compras em estabelecimentos físicos, o cartão de débito é o preferido dos brasileiros com 32%, seguido de perto pelo cartão de crédito e seus 30%. O dinheiro fica logo atrás com 25%.

Ao avaliar o pouco tempo de implementação do novo meio, o seu crescimento do Pix é observado de forma muito positiva.

Outros artigos

Assento de Segurança Booster

09/05/2011

Assento de Segurança Booster

O conselho Nacional de Trânsito (COTRAN), publicou no início de Setembro de 2010 uma nova lei que regulamenta o uso de assentos especiais em automóveis para crianças...