segunda-feira, 15 de agosto de 2022 - 15/08/2022 13:43:21
MundodasTribos

O levantamento aponta que 14,8% da população faz uso de cigarros.

Uma pesquisa realizada pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) revelou que o número de fumantes no Brasil está em queda. De acordo com o levantamento, 14,8% da população faz uso de cigarros, mas o índice é baixo em comparação aos outros anos.

Com os brasileiros fumando menos, a tendência é que o número de mortes causadas em decorrência do cigarro também diminua consideravelmente no país. Acredita-se ainda que a quantidade de fumantes no país diminuiu por causa das leis antitabaco adotadas e as mudanças efetuadas nas propagandas.

Escolaridade
Estima-se ainda que, cerca de 10% dos brasileiros com mais de 12 anos de estudo são fumantes. Já entre os menos escolarizados, o índice gira em torno de 18,8%. Apesar dos números ainda despertarem preocupação nos órgãos de saúde, eles são os melhores registrados nos últimos seis anos.

Caso o nível de escolaridade tenha alguma influência no hábito de fumar, ele não se aplica ao consumo de bebidas alcoólicas, muito pelo contrário. Pesquisas da própria Vigitel apontam que os brasileiros com mais de 12 anos de estudo são os que bebem mais e de forma abusiva, somando 20,1% contra 15,9% dos menos escolarizados. Os dados ainda revelam que o número de mulheres estudadas, bem sucedidas e consumidoras de álcool está crescendo.

Pessoas com mais escolaridade fumam menos.

Homens X Mulheres
A pesquisa revelou também que os homens fumam mais do que as mulheres, sendo um total de 18,1% contra 12%. Mas, quando se avalia a quantidade de ex-fumantes no Brasil, é possível notar que o público masculino está abandonando com mais frequência o vício do cigarro, somando 25% contra o porcentual de 19% das mulheres.

Ex-fumantes
O número de pessoas que abandonaram o cigarro é superior ao de fumantes, sendo que o índice tem crescido entre os mais jovens e os mais velhos. Segundo a pesquisa, aproximadamente 52,6% dos homens idosos resolvem abandonar o cigarro quando atingem 65 anos de idade. Entre as mulheres, cerca de um terço delas resolvem abandonar o cigarro quando atingem uma idade entre 54 e 64 anos. Com relação aos jovens com menos de 25 anos, aproximadamente 11,3% se declaram ex-fumantes.

Fumo passivo
Considerando o cigarro como uma ameaça para toda a população, a pesquisa também avaliou o número de fumantes passivos no Brasil. Um porcentual de 11,8% indica que s brasileiros são vítimas de fumo passivo em casa, enquanto 12,2% sofrem com este problema no trabalho.

Fumantes nas capitais brasileiras
A cidade que possui o maior número de fumantes é Porto Alegre (RS), que representa 23%. No ranking, a capital gaúcha é seguida por Curitiba e São Paulo, respectivamente com 20% e 19%. Já as capitais que apresentam a menor quantidade de fumantes são Maceió, Salvador, Aracajú e João Pessoa, todas abaixo de 10%.

 

Parte deste panorama positivo se deve as leis antitabaco.

O conteúdo "Número de fumantes no Brasil é o menor dos últimos 6 anos" foi feito por Isabella Moretti e distribuído por MundodasTribos na categoria Notícias em .

Isabella Moretti

Publicitária, pós-graduada em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais. É também empresária e CEO & Founder do ViaCarreira

1

Pode ser do seu interesse

Trabalhe Conosco Yes Cosmetics

Trabalhe Conosco Yes Cosmetics

Concurso Dataprev faz retificação do concurso para 2015

Concurso Dataprev faz retificação do concurso para 2015

Caminhões Usados a Venda em Minas Gerais

Caminhões Usados a Venda em Minas Gerais

Mascaras Para Festas – Modelos Onde Comprar

Mascaras Para Festas – Modelos Onde Comprar

Celulares Sony Ericsson 2011

Celulares Sony Ericsson 2011

Le Postiche Outlet Endereços

Le Postiche Outlet Endereços