Novas regras para financiamento de Imóveis, Caixa 2013

Nessa terça-feira, 15 de janeiro, a Caixa Econômica Federal anunciou que diminuiu as taxas de juros para aquisições de imóveis acima de R$ 500…

Por Élida Santos em 15/01/2013

Nessa terça-feira, 15 de janeiro, a Caixa Econômica Federal anunciou que diminuiu as taxas de juros para aquisições de imóveis acima de R$ 500 mil, ou seja, fora do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), em que pode-se utilizar recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). As novas taxas passaram a valer para os financiamentos contratados a partir desta terça-feira.

Leia mais sobre: Financiamento Caixa – comprar terreno

 

Caixa muda valor de taxa (Foto: Divulgação)

Pelas regras atuais de concessão de crédito, somente imóveis no valor de até R$ 500 mil podem ser financiados dentro das diretrizes do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), no qual é permitido o saque do FGTS para o pagamento do financiamento imobiliário.

Redução de taxas da Caixa: índices de clientes e não clientes

Os clientes que não possuem relacionamento com a Caixa ou são correntistas da instituição financeira terão à disposição taxas de juros menores também. Nesses casos, a queda será de 9,9% para 9,4% ao ano. Já para os clientes que possuem relacionamento e conta salário na Caixa, as taxas serão reduzidas de 8,9% para 8,4% ao ano. Quem é servidor público também terá vantagens com relação as taxas de juros, que podem chegar a 8,3% ao ano, segundo a Caixa.

Saiba mais sobre: Financiamento Caixa imóvel comercial

“A economia para um financiamento de R$ 600 mil, por exemplo, poderá ficar em torno de R$ 43,3 mil, em 30 anos”, declarou a instituição financeira em comunicado oficial. “Desta vez, ampliaremos as opções também ao público de média e alta renda”, declarou o vice-presidente de Habitação e Governo da Caixa, José Urbano Duarte.

Caixa altera taxa de financiamento de casa para clientes de sua base (Foto: Divulgação)

Caixa diminuiu taxas em financiamentos em 2012

No ano passado, a Caixa Econômica Federal fez uma redução significativa nas taxas do Sistema Financeiro de Habitação.

“A Caixa reduziu as taxas de juros do crédito imobiliário em até 21% para imóveis enquadrados no SFH. Nas operações com recursos da poupança, o banco aumentou o prazo de financiamento, de 30 para 35 anos”, diz o comunicado emitido pelo banco nessa terça-feira.

A instituição lembra ainda que, no dia 21 de dezembro de 2012, chegou a impressionante marca de R$ 101 bilhões em contratações de crédito imobiliário. O volume corresponde a um crescimento de 33,8% em relação ao mesmo período no ano anterior, quando realizou R$ 75,4 bilhões em contratações.

Top