Como identificar juros abusivos para evitar problemas?

Felipo Bellini 25/10/2021 Notícias

Praticamente todas as compras feitas pelo consumidor, possuem juros e imposto. No entanto, é importante saber quando os juros estão abusivos, que neste caso seria valores acima do juro autorizado pelo Banco Central. 

Como identificar juros abusivos para evitar problemas

Fonte/Reprodução: original

Com a inflação extremamente alta, o valor do gás, gasolina, alimento dentro outros, sofrerão reajustes a todo momento, e isso faz com que a renda do brasileiro diminua gradativamente. O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), sofre mudanças constantes de valor.

Como identificar juros abusivos?

De antemão, é importante prestar sempre atenção no valor dos juros e estes serão considerados abusivos a partir do momento em que ultrapassar os limites estipulados pelo Banco Central. Se houver a detecção de juros abusivos, o consumidor deverá solicitar que o contrato de seu financiamento,  por exemplo, passe por uma nova reavaliação. 

O consumidor deve estar atento quanto às taxas de juros para evitar pagar mais do que deveria para a financiadora contratada para um serviço específico.

Como fazer uma revisão da taxa?

O consumidor, neste caso, possui total amparo do Código de Defesa do Consumidor, portanto deste modo, terá a possibilidade de diminuir os valores de parcelas. 

Caso o consumidor considere viável, poderá acessar o site do Banco Central porque lá constam margens que poderão ser usadas. Note ser preciso realizar a comparação de taxas contratuais com a taxa média do mercado que é divulgada pelo Banco Central. Essa taxa se torna abusiva a partir do momento em que passar do limite de 50%. 

Ou seja, as taxas de juros que poderão ser diminuídas são os juros de comissão, juros de mora acima do limite recomendado, além de contar com a taxa de emissão do carnê, juros para abrir uma conta, etc.

É imprescindível que o consumidor se atente sempre com o valor das taxas, e caso seja necessário, acesse o site do BC para confirmar se está tudo nos padrões para evitar problemas. 

Por fim, caso a financiadora se recusar a baixar os valores dos juros, o consumidor poderá se dirigir ao Procon da cidade para poder procurar seus direitos e resolver este problema. 

Outros artigos

Tratamento Contra a Candidíase, Cuidados

09/07/2011

Tratamento Contra a Candidíase, Cuidados

As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) estão sempre rondando a vida de todos por isso é que o cuidado deve ser redobrado, afinal ninguém tem estampada no ro...

Saldão Lojas City, Queima de Estoque

08/01/2011

Saldão Lojas City, Queima de Estoque

Saldão Lojas City Lar, Queima de Estoque Algumas lojas estão adiando a queima de estoque para evitar a concorrência e poder aumentar as suas vendas e os consumido...