Fabiana Beltrame: a esperança dourada do Remo brasileiro no Pan

Atual campeã mundial, remadora é a aposta do Brasil para faturar a medalha de ouro também nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara

Por Redacao em 07/10/2011

Fabiana Beltrame foi a primeira remadora brasileira a disputar os Jogos Olímpicos

Apesar de ainda ser um esporte pouco popular entre os brasileiros, o Remo ganhou destaque no cenário nacional nos últimos meses graças a uma atleta em especial: Fabiana Beltrame.

Com a conquista da primeira medalha de ouro do Brasil na história da Copa do Mundo de Remo, em junho deste ano, na Alemanha, Fabiana alcançou um lugar de destaque na categoria e hoje é reconhecida como uma das melhores remadoras do mundo. Fato que despertou o interesse de boa parte dos brasileiros pelo esporte.

O momento da remadora é tão positivo, que a atleta, de 29 anos, tem boas chances de faturar a medalha dourada também nos Jogos Pan-Amaricanos de Guadalajara, quando vai representar as cores do Brasil na categoria skiff peso leve.

Além do título Mundial, Fabiana Beltrame carrega outras façanhas em sua vitoriosa carreira no Remo. A atleta foi a primeira remadora brasileira a ir a uma Olimpíada, em Atenas 2004, na Grécia. Além disso, participou também dos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, na China, e conquistou três vezes o título sul-americano, em 2002, 2005 e 2010.

Com sede de vitória, a remadora declarou que atualmente só tem olhos para o Pan de Guadalajara. “Meu foco agora é o Pan-Americano. Vou fazer o meu melhor na minha categoria atual, a leve, para buscar a medalha. Depois, penso nas Olimpíadas”, disse Fabiana.

Ao lado dos outros atletas que compõem a delegação brasileira de Remo, Fabiana Beltrame já embarcou para o México, onde se prepara para as competições de Remo, que acontecem entre os dias 15 e 19 de outubro.

As conquistas de Fabiana Beltrame

– Medalha de Ouro na Copa do Mundo de Remo da Alemanha, em 2011

– Campeã Sul-Americana em 2002, 2005 e 2010

– Medalha de Bronze na Copa do Mundo de Remo da Suiça, em 2010

– Quarto lugar no Campeonato Mundial da Nova Zelândia, em 2010

– 15ª lugar nas Olimpíadas de Atenas, em 2004

– 19º lugar nas Olímpiadas de Pequim, em 2008

Top