Estampas Vintage Para Decorar A Casa

O estilo vintage tem feito sucesso na decoração de casas, inovando o visual de ambientes com muita personalidade e elegância. Quem aposta nessa idéia…

Por Isabella Moretti em 08/07/2011

O estilo vintage tem feito sucesso na decoração de casas, inovando o visual de ambientes com muita personalidade e elegância. Quem aposta nessa idéia para decorar os cômodos residenciais vai conseguir resultados incríveis, que combinam revestimento, móveis e objetos decorativos consagrados em décadas passadas.

Muito se fala a respeito do vintage na decoração, mas poucas pessoas compreendem as características do estilo. Trata-se de um resgate das tendências dos anos 50/60 e que foram capazes de determinar um estilo absolutamente original e bonito para decorar ambientes. O retrô combina linguagens visuais de uma maneira bem harmônica e arrisca também as combinações com elementos modernos nos projetos mais recentes divulgados pelos designers de interiores.

Os apetrechos vintage são decisivos para compor uma decoração retro residencial com personalidade e conforto. Partindo dessa idéia dá para apostar nos móveis que foram considerados “vedetes” das décadas de 50, 60 e 70, como as poltronas com pés, cômodas, penteadeiras e armários em cores chamativas (vermelho e azul claro, por exemplo). Qualquer relíquia é bem vinda ao mobiliário vintage, de preferência restaurada. Eletroportáteis e eletrodomésticos da época ajudam a completar a decoração, com efeito.

Como usar estampas vintage na decoração?

As estampas vintage são decisivas para fortalecer a proposta retrô da sua decoração e consiste basicamente na forma de acabamento mais relevante. As ilustrações resgatam símbolos, personalidades, marcas e tantos outros elementos de uma linguagem visual que falam por si só. Apostar em estampas temáticas é uma forma de montar uma atmosfera nostálgica maravilhosa.

Os móveis estofados que decoram a sala ou o quarto podem apresentar estampas vintage, como é o caso de alguns motivos florais que fizeram sucesso anos atrás. O estampado monocromático também é um efeito que resgata bem o vintage e ajuda a compor uma decoração mais discreta, ou seja, menos cansativa. Apesar da diversidade de estampas, é muito importante tomar cuidado com a escolha para não transformar o seu projeto vintage em algo provençal. O remake é do século XX e não do estilo francês bucólico do século XVIII.

As estampas vintage para decorar a casa podem ser ainda mais criativas quando resultam numa composição retrô-moderna. Assim, vale apostar em pôsteres ou adesivos de parede com imagens que marcaram as décadas de 50, 60 e 70. Anúncios publicitários, pin ups e várias personalidades do mundo da música podem ilustrar as paredes. Incrementar o revestimento vertical é uma forma de personalizar cada ambiente e recriar o estilo a partir da sua inspiração. Lembre-se de que nem sempre é preciso ser fiel ao vintage, mas é necessário acertar nas combinações.

Aposte em cores intensas dentro da sua decoração vintage, sem é claro sobrecarregar os ambientes com elementos desnecessários ou cansativos. Crie uma identidade para cada espaço da casa que está sendo decorado e, se for possível, mude o revestimento neutro para algo mais original com símbolos clássicos e contemporâneos. O acabamento de cada peça pode ser refeito seguindo as suas inspirações.

A decoração retrô tem tudo para dar certo na sua casa ou apartamento, porém cada ambiente necessita de um tipo de acabamento. Quem não tem habilidade para personalizar móveis e outras peças pode encontrar uma série de objetos vintage a venda. Almofadas, cortinas, roupa de cama e tapete também costumam contribuir com o estilo.

Confira a seguir uma galeria de fotos de decoração com estampas retrô e se inspire através das imagens para inovar o visual da sua casa.

Top