segunda-feira, 8 de agosto de 2022 - 08/08/2022 13:35:50
MundodasTribos

A doença púrpura ou, como conhecida pelo meio médico, púrpura trombocitopênica idiopática (causa desconhecida), nada mais é que uma patologia que afeta o sangue. Esta é uma doença que tem como fator principal, a diminuição do número de plaquetas no sangue.

O que este artigo aborda:

Causas

Até o momento, não existe um fator definido que colabora com o aparecimento da doença. Sabe-se que a maioria dos casos tem relação ao aparecimento de anticorpos contra as plaquetas, o que resulta na diminuição do seu número na corrente sanguínea.

A doença púrpura é uma patologia que afeta as células sanguíneas

Quadro clínico

De maneira geral, os sinais e sintomas apresentados pela doença, são:

  • Sangramentos na pele, manifestado pela presença de manchas arroxeadas de diversos tamanhos, que surgem sem causa aparente;
  • Sangramentos mucosos, manifestados pela presença de gengivorragia, sangue na urina, catarro com sangue, secreção nasal com sangue e sangramento do trato gastorintestinal;
  • Fortes dores nas pernas;
  • Aumento de peso;
  • Inchaço generalizado ( por todo o corpo);
  • Aumento do baço.

Embora muitos casos sejam assintomáticos, a baixa contagem de plaquetas pode causar o surgimento dos sangramentos, o qual é o sinal mais característico da doença púrpura.

Diagnóstico

O diagnóstico é baseado na história clínica, no exame físico e em alguns exames complementares. Por isso, apensa um médico especialista poderá realizar o diagnóstico com precisão.

Doença púrpura: o que é?

Caso o indivíduo apresente alguns dos sintomas descritos, o médico optará em realizar alguns exames de sangue, entre eles, podemos citar o hemograma. Este tem como função analisar todas as células do sangue, inclusive as plaquetas. Se o indivíduo em questão for portador da doença púrpura, o número das plaquetas estará diminuído, ajudando no diagnóstico da doença.

Manchas arroxeadas de diversos tamanhos são frequentes

Outros exames que também poderão ser solicitados pelo médico, são:

Esses três exames são essenciais para a comprovação diagnóstica, por colaborarem na exclusão de outras possíveis patologias que poderão apresentar os mesmos sinais e sintomas.

Tratamento

Em alguns casos raros, é possível identificar a causa da manifestação. Quando isso é possível, o tratamento é baseado na eliminação do fator causador. Porém, caso não seja possível essa descoberta, o tratamento se baseará em:

  • Uso de corticoides sistêmicos – colaboram no controle da reação auto imune;
  • Imunoglobulina – caso o uso de corticoides não tenha trazido resultado adequado;
  • Remoção do baço – em casos extremos.

A consulta médica é fundamental para o diagnóstico e tratamento adequado

Independente da escolha do tratamento, o indivíduo acometido deverá ter um acompanhamento clínico rotineiro, o que será extremamente válido para o controle da doença.

A doença púrpura é muito rara, porém apresenta um quadro clínico muito grave. Por isso, o quanto antes diagnosticada, mais fácil será seu controle e tratamento. Assim, fique atento as transformações de seu corpo e, diante de qualquer alteração suspeita, procure um médico imdiatamente.

O conteúdo "Doença púrpura: o que é?" foi feito por Editorial MDT e distribuído por MundodasTribos na categoria Notícias em .

1

Pode ser do seu interesse

Ventilador Usb Preços, Onde Comprar

Ventilador Usb Preços, Onde Comprar

Cursos Gratuitos a Distância para Estagiários – EAD Grátis

Cursos Gratuitos a Distância para Estagiários – EAD Grátis

Bairros mais violentos de SP

Bairros mais violentos de SP

Lojas de Móveis para Bebê SP

Lojas de Móveis para Bebê SP

Dicas para manter currículo atualizado

Dicas para manter currículo atualizado

Como Organizar a Casa para Idosos

Como Organizar a Casa para Idosos