Dicas De Buquê De Noiva

Dicas De Buquê De Noiva

O buquê de noiva é um elemento tradicional no casamento, sendo um verdadeiro amuleto para a mulher que está prestes a firmar matrimônio. A…

Por Isabella Moretti em 06/04/2011

O buquê de noiva é um elemento tradicional no casamento, sendo um verdadeiro amuleto para a mulher que está prestes a firmar matrimônio. A origem está na Grécia, ainda que a princípio era confeccionado com alho e tinha a finalidade pagã de acabar com o mau-olhado. O buquê grego também se popularizou por dar sorte às moças solteiras no dia do casamento.

O passar do tempo contribui para que o buquê se tornasse uma tradição em muitas culturas, mudando seu formato para se tornar mais compatível com a beleza da noiva. Os alhos foram substituídos por um arranjo de flores, que passaram a representar a pureza e simbologia da vida, já que os órgãos reprodutores das plantas são colocados em evidência.

Os buquês de flores foram adquirindo novos formatos ao longo da história, em versões mais simples ou sofisticadas. As noivas começaram a se preocupar com as combinações do look e muitos arranjos também eram montados de acordo com os significados das flores, demonstrando dessa forma o que a ocasião representava para a noiva e quais seus sentimentos.

Uma das superstições mais curiosas a respeito do buquê foi criada na Polônia, onde as pessoas acreditavam que se conservassem o arranjo no açúcar o casamento permaneceria doce. Enfim, muitas estórias existem por traz do buquê, mas o fato é que esse acessório é fundamental para completar o visual da noiva.

Como escolher buquê de noiva?


Há inúmeros modelos de buquês de noiva encontrados nos catálogos das floriculturas, sendo que algumas ainda montam arranjos sob medida de acordo com as preferências da mulher que vai se casar. Os buquês variam quanto à espécie das flores, volume e acabamento. O tamanho e formato ideal dos arranjos costumam variar de acordo com o horário da cerimônia, ambiente e tipo físico.

Os buquês redondos e volumosos são indicados para mulheres magras com silhueta bem delineada, mas não combinam com o tipo físico das gordinhas. As noivas que estão um pouco acima do peso podem apostar em buquês no formato de cascata ou braçada para complementar o look matrimonial.

É fundamental dar prioridade para as flores naturais, já que s peças artificiais podem adicionar superficialidade a noiva. A mulher precisa agir com bom gosto, levar em conta traços de sua personalidade e encomendar um arranjo que realmente combine com o seu perfil. Nos casamentos noturnos é recomendada a escolha de flores sofisticadas, já as do campo só combinam com cerimônias diurnas.

Aproveite as dicas de buquê de noiva e confira a seguir os significados das principais flores usadas para montar os arranjos.

– Buquê de Rosas: simbolizam o romantismo, sendo que as cores também podem interferir no significado.

– Buquê de Tulipas: beleza e prosperidade. A cor amarela indica esperança de reconciliação, enquanto a vermelha remete a uma declaração de amor.

– Buquê de lírios: significa pureza, nobreza e proteção. Em alguns contextos essa espécie simboliza o desafio ao amor de alguém.

– Buquês de Orquídeas: perfeição e pureza, dependendo da espécie também podem insinuar luxuria.

– Buquê de Girassois: glória, paixão, dignidade.

– Buquê de Margaridas: considerada flor das mulheres donzelas, representam a virgindade, juventude e o amor inocente.

– Buquê de Copos de Leite: num belíssimo formato de cascata, as flores dessa espécie combinam com o espírito de matrimônio com o significado de felicidade e pureza.

Outras flores possuem uma simbologia bem curiosa: acácia (amor secreto), cravo (fertilidade), camélia (beleza), Hortência (energia) e narciso (vaidade), miosótis (amor sincero), gardênia (graciosidade).

Dependendo do buquê, a noiva pode optar pela aplicação de cristais e pérolas para deixar o arranjo mais sofisticado para o casamento realizado a noite. Enfim, as idéias são muitas e vale a pena inovar.

Top