Confira 10 dicas para elaborar um currículo perfeito

    O currículo é um dos meios de apresentação mais usados no mercado de trabalho. Se uma pessoa quer se candidatar a uma…

 

 

O currículo é um dos meios de apresentação mais usados no mercado de trabalho. Se uma pessoa quer se candidatar a uma vaga de emprego, ela envia o currículo para a empresa. Então, nada melhor do que ter uma apresentação “perfeita”. Os recrutadores selecionam as pessoas para processos seletivos, de acordo com as informações encontradas nesse veículo de apresentação.

Aprenda a fazer um currículo. Confira 10 dicas para elaborar um currículo perfeito:

Nunca entregue ou envie currículos impressos em papel amassado ou com borrões de qualquer espécie.

  • Seja sempre objetivo nas informações do se currículo. Para recrutadores, nada pior que um currículo muito extenso, cheio de dados sem relevância.
  • Destaque os conhecimentos e as experiências relacionados ao cargo pretendido, mesmo que sejam poucos.
  • Envie sempre o currículo original. Jamais use cópias, mesmo de boa qualidade.
  • Se você é estudante universitário ou recém-formado, cite bolsas de iniciação científica e monitorias desenvolvidas na universidade.
  • Atualmente, é comum que um profissional exiba experiências em vários setores. Se esse é o seu caso, divida-os, no item “Experiência Profissional”.
  • Dê ao seu currículo uma personalidade própria, usando uma diagramação diferente da usual e uma linguagem simples, porém bem elaborada. Tenha bom senso.
  • Após a impressão, faça uma leitura atenta revisando tudo, qualquer erro encontrado, não tente consertar de caneta. Edite o documento e imprima novamente.
  • Enalteça as realizações práticas de seus últimos empregos, como desenvolvimento e implantação de projetos.
  • Cursos de extensão e especialização também devem ser realçados, da mesma maneira que os estágios.

 

O que você deve evitar colocar no currículo:

 

  • Usar muitos adjetivos ou outras expressões que possam dar um ar de pretensioso. Seja sintético e claro.
  • Mandar currículos com informações diferentes para a mesma empresa. Isso pode fazer com que você perca muitos pontos em credibilidade.
  • Encher seu currículo com citações que não sejam pertinentes à sua vida profissional, nem ao cargo que você busca.
  • Colocar números de documentos, como CPF, RG, registro profissional e outros. Tipo sanguíneo e filiação também são desnecessários.
  • Incluir informações falsas ou exageradas. Se não sabe operar computadores, não diga o contrário em seu currículo. Caso seja escolhido para uma entrevista, o selecionador poderá testar essa habilidade, e você, passar por constrangimentos.
Leia Também:  O Boticário Trabalhe Conosco

 

Fonte: caminhosdoemprego.com

 

Top