Como se Sentir Satisfeita no Trabalho

Quem nunca teve vontade de jogar tudo para o alto e começar tudo de novo? Chega uma hora, que o trabalho se torna cansativo…

Quem nunca teve vontade de jogar tudo para o alto e começar tudo de novo? Chega uma hora, que o trabalho se torna cansativo e o estimulo se apaga completamente, como se fosse um fardo necessário de carregar. Passar um terço do dia no trabalho fazendo o que não gosta, gera insatisfação, perda de energia e de saúde. Qual a melhor solução? Continuar no trabalho até que uma nova oportunidade apareça? Com certeza que não, esse trabalho que estressa e que faz ser um fardo, merece uma chance. Essa tese é defendida no livro “Eu Amo Meu Trabalho” escrito pelas americanas Beverly Kaye e Sharon Jordan-Evans.

A escolha é muito importante

Fazer a escolha certa na hora de trabalhar é muito importante para a felicidade profissional, baseada nas preferências pessoais. Mas nem sempre é fácil, por que entram outros fatores decisivos, como criatividade e autoconhecimento. O mais importante é saber o que consegue fazer o coração disparar no trabalho, mas nem sempre está ligada as atividades que são realizadas. Algumas pessoas são motivadas a desafios, outras querem apenas reconhecimento. Mas cabe a cada um buscar uma relação de amor e paixão pelo trabalho. Nem sempre as empresas têm condições de procurar entre os seus funcionários o que os motiva no trabalho.

O que gera a insatisfação

Normalmente a insatisfação ocorre por parte de chefes, colegas e subordinados, e isso muitas vezes não da para mudar. Mas a postura pessoal da para ser mudada e algumas delas às vezes, faz milagres como é o caso da positividade. Ser positivo é um bom começo, depois pode ser voluntário para alguns serviços, se envolver um pouco mais pode ajudar a se sentir importante, nem que para isso seja necessário ousar um pouco. Propor desafios, aprender novas tarefas, até que a insatisfação passe a ser controlada e quem sabe até esquecida. Procurar objetivos para crescer dentro da empresa é uma excelente opção para que a satisfação volte.

Leia Também:  Empregos na Área de TI 2010

Outros fatores

É importante lembrar, que a insatisfação pode também ocorrer por causa do cansaço e a má alimentação. Por isso, é importante se alimentar de forma adequada, ingerindo alimentos saudáveis e que gerem energia. Não dormir direito também é um fator importante para que a insatisfação se afirme de forma mais acentuada. Se todos esses fatores forem observados e uma nova postura adquirida, com certeza cinquenta por cento da insatisfação poderá ser eliminada.

Dica mais importante

Se mesmo com todas essas dicas, a insatisfação no trabalho continuar, então é hora de repensar os conceitos. A troca por outro trabalho pode ser a saída, mas é preciso reconsiderar alguns fatores como custos benefícios. O verdadeiro sucesso de uma carreira está em amar o que faz. Por isso, fazer uma análise da nova oportunidade, e estudar com carinho para que seja, além de satisfatória dentro do tema proposto, muito produtiva e que renda bons frutos, proponha acima de tudo satisfação e amor pelo trabalho. Fazer o que gosta é o principal motivo para a satisfação no trabalho.

Jogo de cintura

Muitas pessoas trabalham por que precisam, mas a profissão não deve ser considerada uma punição, cuja recompensa é o salário. A satisfação plena e a felicidade só são alcançadas quando existe amor no que faz. Um trabalho deve ser desafiante, único, permitir que o trabalhador cresça e que na medida do possível seja apaixonante para conseguir a felicidade plena.

Concluindo

A satisfação no trabalho depende de cada um. A partir do momento que um trabalho é encarado como um desafio e com possibilidades de crescimento, a desenvoltura passa a ser outra de forma mais ampla e objetiva no alcance da conquista maior que é a felicidade.

Leia Também:  Trabalhe Conosco Souza Cruz

Top