Como Dar Entrada no Seguro Desemprego

Você foi dispensado pela empresa onde trabalha e precisa dar entrada no seguro desemprego? Confira abaixo como você pode dar entrada neste benefício que…

Você foi dispensado pela empresa onde trabalha e precisa dar entrada no seguro desemprego? Confira abaixo como você pode dar entrada neste benefício que é uma assistência financeira temporária garantida pelo artigo 7º dos Direitos Sociais da Constituição Federal.

Quem tem direito?

Os trabalhadores que foram dispensados sem justa causa.

O que é preciso para receber?

– Comprovar que recebeu salários consecutivos pelo tempo de seis meses anteriores à data da dispensa.

– Estar trabalhando há mais de 30 dias

– Estar há menos de dois anos desempregado.

– Não ter recebido outro seguro desemprego em um intervalo de 16 meses.

– Não estar recebendo qualquer benefício da Previdência, previsto no Regulamento dos Benefícios da Previdência Social, exceto auxílio acidente e pensão por morte.

– Não ter renda própria de qualquer natureza para a manutenção de sua família.

Como requerer?

– Você pode solicitar a partir de sete dias e até 120 dias após a data da dispensa.

Quais documentos é preciso apresentar?

– CTPS – Carteira Profissional;

– Cartão do PIS/ Pasep, extrato atualizado ou Cartão Cidadão;

– TRCT – Termo de rescisão do contrato de trabalho quitado;

– Levantamento dos depósitos do FGTS

– Comprovante do pagamento do FGTS;

– Três últimos contracheques dos meses anteriores a demissão

– RSD/CD – Requerimento do seguro desemprego preenchido pela empresa com as informações da CTPS e Previdência Social em duas vias – verde e marrom;

– Sentença judicial ou homologação de acordo;

– Carteira de identidade (certidão de nascimento, de casamento, modeloNova Identidade RIC novo da carteira de habilitação, passaporte ou certificado de reservista).

Continuar Lendo  FGTS inativo 2017: extrato, calendário de saque e atualização de cadastro

Em quantas parcelas ele pode ser pago?

Em três, quatro ou cinco parcelas. Isso dependerá do período que você ficou empregado.

Qual é o valor a ser recebido?

Será de acordo com a média salarial dos últimos dois ou três meses de trabalho.

Como dar entrada?

É preciso ir pessoalmente com toda a documentação acima citada a um dos postos do Ministério do Trabalho e Emprego. No estado de São Paulo, um local muito utilizado para entrada deste benefício é o Poupatempo.

A partir de abril deste ano quem está recebendo o seguro desemprego, mas conseguiu uma nova oportunidade de trabalho com carteira assinada, terá direito a continuar recebendo o benefício.

Mas, fique atento! Nem todos os postos do Poupatempo recebem a solicitação de seguro desemprego. Para saber qual é o mais próximo que você pode ir, ligue para o Disque Poupatempo ou entre no site e consulte o Guia de Informações sobre Serviços Públicos.

Para sacar, o beneficiário pode ir a qualquer agência da caixa, nas casas loterias ou nos terminais de autoatendimento, onde os centavos não são pagos, com o Cartão Cidadão e a senha cadastrada.

Se o beneficiário tiver conta aberta na Caixa Econômica Federal, a parcela será creditada na conta, sem autorização prévia.

Só tem direito ao seguro os trabalhadores da modalidade forma, pescador artesanal e empregado doméstico.

Saiba mais:

Prefeitura de São Paulo

www.prefeitura.sp.gov.br

Postos do Poupatempo

www.poupatempo.sp.gov.br

Disque Poupatempo

0800-772-36-33

Ministério do Trabalho e Emprego

www.mte.gov.br

Top