China fará viagem espacial com tripulação no ano que vem

A China deve enviar,  ano que vem, sua primeira nave espacial com tripulação, como parte da construção de sua primeira estação, que deve ficar…

Por Redacao em 31/10/2011

A China deve enviar,  ano que vem, sua primeira nave espacial com tripulação, como parte da construção de sua primeira estação, que deve ficar pronta em 2020. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (31), em Pequim.

Um lançamento deve ser feito nessa terça-feira (01), às 5h58 do horário local, segundo o porta-voz do programa espacial, o chinês Wu Ping. O foguete modificado, nomeado de Shenzhou-8, não terá tripulação e será lançado do Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan, no Deserto de Gobi.

Wu acrescentou que outros dois lançamentos devem acontecer em 2012, um com tripulação e outro sem, que receberão o nome de Shenzhou-9 e Shenzhou-10. Ambos se acoplarão à estação Tiangong-1 (Palácio Celestial), posta em órbita no dia 29 de setembro, como mais um passo para ser feita a primeira estação permanente da China.

A tripulação que irá fazer parte da operação, no ano que vem, já foi selecionada e está passando por um processo de treinamento. A respeito do programa Shenzhou-8, o porta-voz afirmou que a Alemanha trabalha em parceria com a China em 17 experiências, nos campos de microgravidade e vida no espaço.

Yuan Jiajun, subdiretor-general da Corporação de Ciência e Tecnologia Aeroespacial da China, afirmou que, em 2010, o país lançou 15 foguetes e 20 satélites ao espaço, número considerado comparável aos dos Estados Unidos e Rússia, os gigantes do espaço.

Top