Carro:O Que É Motor de Arranque?

O carro é composto de diversas peças e periféricos para exercer suas funções no dia-a-dia. Por isto, é importante conhecer bem o veículo, visto…

O carro é composto de diversas peças e periféricos para exercer suas funções no dia-a-dia. Por isto, é importante conhecer bem o veículo, visto que ao identificar qualquer problema o proprietário pode levar para uma averiguação geral e assim obter a resolução.
Existe no carro o motor de arranque, você sabe o que é exatamente? Se a resposta for não, descubra nesse artigo.

O motor de arranque apareceu em 1912, mas só passou a ser utilizado pelos fabricantes de automóveis 15 anos depois, quando foi aperfeiçoado e deixou de apresentar problemas nos componentes elétricos, que diminuíam sua durabilidade.

O motor de arranque é o equipamento que transforma a energia elétrica da bateria em energia mecânica, transmitida ao motor principal do carro para o início de seu funcionamento, ou seja para dar a partida. O motor de partida ou de arranque serve para impulsionar o motor quando ainda está parado, como essa peça funciona apenas por alguns segundos e depois não é mais utilizada, pode-se dizer que é de baixíssima manutenção e alta durabilidade, mas também apresenta defeitos, que normalmente estão ligados a má utilização. Entre os principais fatores que ocasionam defeitos estão: insistência em manter o motor de partida acionado por mais de 10 segundos; Acionar o motor de arranque quando o motor do carro já está funcionando. Caso seja necessário acionar o motor de arranque por mais de 10 segundos para fazer o motor do carro funcionar existe algum problema na ignição do motor principal do carro, nesse caso não insista, pois causa superaquecimento e danifica peças interna do carro. Se acidentalmente o motor de arranque for acionado durante o funcionamento do motor principal isso faz com que o motor de arranque tenha que girar em altas rotações o que também prejudica outras peças internas do carro.

Continuar Lendo  Fiat Palio Weekend 2013: fotos, informações

Alguns pontos básicos devem ser observados antes de condenar o motor de partida: tensão da bateria, limpeza, cabos ou mau contato, isolamentos de fios e verificação de fusíveis.

A sua forma de funcionamento é básica, ou seja, quando liga-se o carro, o motor de partida faz girar uma roda dentada instalada no volante do motor para que este entre em funcionamento. Como ele exige uma grande energia, se alguém esquecer o rádio ou os faróis ligados, a bateria pode descarregar e o carro só vai pegar no tranco. Ao dar a partida no carro não acione por mais de 10 segundos e espere mais de 30 em cada tentativa, se após 3 tentativas o motor principal não for acionado procure um mecânico, pois agindo assim aumentará a vida útil do motor, se exigir demais ele estragará facilmente.

Por isso, é de extrema importância verificar e manter a carga máxima da bateria o que colabora para um funcionamento adequado.

Dessa maneira, busque sempre observar o seu carro, tome cuidados básicos com o motor de arranque para que não ocorra problemas futuros!

Top