As 07 marcas mais clonadas pelos chineses

Os chineses se tornaram profissionais, quando o assunto é copiar produtos eletrônicos. Procurando espaço em um mercado de produtos mais baratos, muitas fábricas do…

Os chineses se tornaram profissionais, quando o assunto é copiar produtos eletrônicos. Procurando espaço em um mercado de produtos mais baratos, muitas fábricas do país produzem milhares de produtos similares aos das marcas populares do mundo. Os consumidores até se contentam com o produto, por um tempo, entretanto chega uma hora que o mesmo começa a apresentar falhas, o que muitas vezes acaba não compensando a compra de uma cópia barata, que só resultará em problemas. Marcas de sucesso como iPhone, BlackBarry e PlayStation são uma das mais imitadas pelo chineses. Confira abaixo a lista completa das sete marcas mais clonadas por eles.

 

1. Apple Store

As lojas falsas da Apple, aparentemente, já existem há um bom tempo na China, contudo, ninguém havia percebido a fraude. Imitando a identidade visual dos oficiais estabelecimentos da Apple, esses pontos comerciais piratas passaram a vender sem garantia, produtos originais. iPhone, iMac e iPad, foram comercializados  e centenas de consumidores adquiriam tais produtos, muitas vezes sem nota fiscal. A fraude foi divulgada por um blogueiro americano, que publicou a denúncia em seu site. Entretanto, autoridades chinesas alegaram não possuirem mecanismos legais para impedir esse roubo de identidade. Duas lojas foram fechadas, porém pelo motivo de falta de autorização municipal para atuar.

 

2. HiPhone

O iPhone é o produto mais conhecido da Apple. Os chineses, de olho nesse sucesso, inventaram o HiPhone, aparelho muito similar ao original da marca,  possuindo inclusive capacidade captar sinais de TV. Produto perfeito para muitos usuários, na verdade, os modelos clonados apresentam uma vida util muito curta. Geralmente após três meses, costumam apresentar problemas relacionados à baixa qualidade nos componentes e na própria construção do dispositivo.

Leia Também:  A banda larga brasileira deve se igualar a dos países desenvolvidos até 2014

 

 

3. Mini PolyStation 3

O Mini PolyStation 3 possui muitas semelhanças externas ao original como  um controle, ligada diretamente ao console por um fio. Para jogar, o usuário deve utilizar uma tela de LCD embutida no aparelho, o qual é capaz de rodar apenas jogos similares aos minigames monocromáticos que ficaram conhecidos nas décadas de 80 e 90.

 

 

 

 

4. MyWii

Como a Sony, a Nintendo também sofre com a maldição das cópias baratas. Os  clones, MyWii e oVii, muito parecidos ao console original Wii, é controlado a partir de movimentos do usuário. Nesse caso a fraude, incluiu até títulos famosos como o Wii esportes do Vii, o qual não possui a mesma qualidade dos originais. Entre as opções de games está a dança, tênis de mesa, tênis, boliche e arremesso de dardos.

 

5. BlackBarry

A fama do canadense Research um Motion (RIM), o qual dominou o mercado de smarthphones com seus BlackBarry, chamou a atenção dos chineses que transformaram alguns dos modelos da marca nos eletrônicos mais clonados da história. A semelhança física entre os aparelhos é grande, porém, além da qualidade dos aparelhos piratas ser bem inferior, os modelos não oferecem acesso aos serviços originais oferecidos pela RIM.

 

6. Kindle

Uma das maiores empresas de varejo eletrônico do mundo, a Amazon, não conseguiu escapar da clonagem de eletrônicos. A segunda versão do leitor eletrônico Kindle, não fez muito sucesso quanto outros dispositivos, entretanto, acabou ganhando uma versão oriental: o WeFound. Além de aceitarem diversas obras em chinês, o produto utiliza um cartão SIM, para fazer conexão com a internet.

 

7. Xgame 360

Para finalizar a clonagem dos consoles, a Microsoft não poderia faltar. Muitas caixas do chinês Xgame 360, uma cópia barata do Xbox 360, foram encontras no México, ao preço de 29 dólares. Apesar da semelhança, o console não passa de um emulador do sistema de 8-bits da Nintendo.

Leia Também:  Melhores jogos gratuitos para Android

 

 

 

 

Agora que você já conhece alguns dos produtos mais falsificados pelas companhias clandestinas, fica a pergunta: Vale a pena arriscar comprar um Xgame 360, ou talvez Mini PolyStation 3? Comente abaixo!

 

 

Fontes:
http://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/7-marcas-exaustivamente-clonadas-pelos-chineses?page=1&slug_name=7-marcas-exaustivamente-clonadas-pelos-chineses
http://veja.abril.com.br/noticia/vida-digital/sete-marcas-exaustivamente-clonadas-pelos-chineses

Top