Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Fases do parto: descubra os sinais da chegada do bebê

Fases do parto: descubra os sinais da chegada do bebê

É possível saber a hora que o bebê vai nascer; ele dá os sinais de sua chegada. O grande problema está na imensa ansiedade que as futuras mamães apresentam; fato que pode interferir no reconhecimento dos sinais da tão esperada chegada.

Um importante sinal, o qual é comumente relatado pelas gestantes, é o início das contrações. Quando as contrações dão início, é indicado que a chegada do bebê está próxima. Mas, antes de tudo, é importante saber que existem dois tipos de contração: a contração latente e a contração ativa; lembrando que só quando as contrações ativas se iniciam é que a futura mamãe deve ir, imediatamente, ao hospital.

Mas qual a idade gestacional exata para dar início ao trabalho de parto?

Normalmente, o trabalho de parto se inicia entre a 37° e a 42° semana de gestação e pode levar até 12 horas de evolução; o tempo irá depender do corpo da mulher, assim como a quantidade de partos normais já enfrentados por ela.

A quais sinais devo me atentar?

1. Pré-parto

É a fase que os sinais são ainda muito sutis; estes podem dar início até 15 dias ou até horas antes do provável dia da chegada do bebê. Os principais sinais são:

  • Contrações de Braxton-Hicks: são contrações que iniciam durante o sétimo mês de gestação, aumentando sua frequência no final da última quinzena de gestação. Na maioria das vezes, são confundidas com a movimentação do bebê.
  • Queda da barriga: isso ocorre quando o bebê desce e se encaixa na região pélvica, posição do parto.
  • Saída do tampão: um muco que bloqueia o útero, impedindo que ocorra a entrada de bactérias vaginais até o feto; a mulher pode perceber sua saída como um corrimento amarelado ou esverdeado, contendo ou não sangue. Vale lembrar que mesmo após a saída do tampão, o bebê continua protegido pela bolsa.

Ao perceber qualquer um dos sinais acima, contate, imediatamente, seu médico, pois apenas ele poderá informar se o trabalho de parto deu ou não início.

2. Fase latente

Nessa fase, o trabalho de parto deu início; pode durar de dois dias até duas semanas e as contrações são desiguais, sem sequência, podendo vir ou não acompanhadas de dor, isto dependerá do limiar de dor de cada mulher.

Mas por que ocorrem contrações? As contrações ocorrem para:

  • Afinar o colo do útero;
  • Empurrar o bebê;
  • Dilatar o canal de parto;
  • Alargar o colo.

Se possível, marque o tempo de evolução, assim como o intervalo entre as contrações e avise seu médico.

3. Fase de transição

É a fase em que você já deve estar no hospital. O intervalo entre as contrações não ultrapassa minutos. Esta pode durar mais de duas horas e a dilatação do colo do útero deve chegar ao seu máximo (10 centímetros). Nessa hora, já é possível dar início aos medicamentos para dor, assim como o bebê inicia a se posicionar, preparando-se para sua chegada.

4. Fase de expulsão

Com a dilatação em torno dos 10 centímetros, já é possível visualizar a cabeça do bebê no canal de parto. É a fase em que as contrações encontram-se máximas, com intervalos mais longos; pode durar até 3 horas de evolução. Seu término só ocorre com o nascimento do bebê.

5. Fase de dequitação

Ocorre após o nascimento do bebê, por volta de cinco minutos depois; essa fase tem o intuito de expulsar a placenta que protegia o bebê. É a última contração sentida pela futura mamãe. Em caso de partos cesarianos, quem retira a placenta é o médico.

Recomendado para você
Bem Estar

Curso de Massoterapia RJ Preços, Escolas Técnicas

Bem Estar

Como Usar Legging de Couro

Bem Estar

Como Remover Manchas de Roupas

Beleza

Dicas de penteados com Babyliss

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *