Menu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Benefícios do cloreto de magnésio

Cloreto de magnésio faz bem à saúde, desde que a pessoa precise de reposição do item.

O cloreto de magnésio está causando muitos comentários entre especialistas e leigos. Centenas de pessoas acreditam que essa substância tem muitos benefícios para a saúde. O tal “sal milagroso”, como ele é denominado por quem vende e faz a sua propaganda, é recomendado para mais de setenta problemas de saúde, como por exemplo, câncer, derrame, infarto e até depressão. Uma gripe também pode ser prevenida com o uso do item, segundo quem vende e usa o cloreto de magnésio.

Cloreto de Magnésio pode fazer bem à saúde se você precisa de reposição dessa substância (Foto: Divulgação)

Especialistas divergem sobre benefícios do cloreto de magnésio

Muitos especialista divergem com relação aos benefícios do cloreto de magnésio. Como não existe nenhum embasamento cientifico que o “Sal milagroso” ajuda a emagrecer, cura estresse, depressão e todos os outros males prometidos por quem vende o pó, especialistas não o recomendam para quem não tem deficiência de magnésio.

Para que serve o magnésio no corpo?

O magnésio é excelente para o funcionamento do organismo.  Ele está envolvido na produção de energia das células, na ativação de mais de 300 enzimas e na geração de estímulos elétricos necessários ao funcionamento das células cardíacas, musculares e nervosas. Por causa de todos esses benefícios é que as pessoas acham que o cloreto de magnésio faz milagre, mas isso não foi comprovado cientificamente.

Cloreto de magnésio pode fazer bem à saúde (Foto: Divulgação)

A grande crítica com relação a venda do item é que ele é feito de modo genérico. É necessário fazer exames para saber se precisa de reposição de magnésio no organismo, ou se no seu caso está tubo bem com os índices da substância. Quem vende o produto geralmente trata isso de modo generalista, recomenda para todos, pois acredita que a maior parte das pessoas precisam do produto.

Doses extras de magnésio podem desregular seu organismo, gerando uma diarreia, por exemplo, ou  até irritação do estômago e intoxicação renal, nos casos mais graves. Por isso, os médicos pedem para que as pessoas não arrisquem, e busquem um nutricionista para que ele veja se existe a necessidade de incluir magnésio na alimentação. Além disso, Quem come banana, feijão, leite, ervilha castanhas, lentilhas, entre outros alimentos com periodicidade, não precisa do tal “sal milagroso”.

Recomendados para você:

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL