Vício em comida: o que fazer

Algumas pessoas são viciadas em bebida, outras em cigarro, no entanto, um número restrito de pessoas é viciado em comida. Em algumas vezes, esse…

Por Editorial MDT em 18/02/2013

Algumas pessoas são viciadas em bebida, outras em cigarro, no entanto, um número restrito de pessoas é viciado em comida. Em algumas vezes, esse problema é tão importante que os indivíduos acabam abandonando seus afazeres para se deliciar em algum tipo de guloseima ou alimento. Tendo isso em vista, separamos algumas informações sobre o que fazer com o vício em comida.

Saiba quais são os alimentos que podem viciar.

O estresse pode colaborar com o agravamento do vício em comida. (Foto: divulgação)

Primeiro passo – aceitando o problema

A maioria das pessoas que sofrem com o problema do vício em comida, com dúvida e incredulidade. Isso porque a palavra “vício” é muito associada e aplicada a problemas mais sérios, como o uso de drogas e de álcool. No entanto, isso é um grande erro! O vício de comida é uma realidade e pode se tornar muito grave, quando não devidamente diagnosticado e tratado.

Saiba mais sobre o vício em comida

A pessoa viciada em comida age da mesma forma que um indivíduo alcoólatra. Ou seja, um simples cheiro, gosto ou visão, faz com que aconteça a liberação de dopamina no cérebro e uma vontade desesperada de comer. Isso porque a cada nova mastigada, o corpo do viciado sente um prazer inexplicável, fazendo com que ele busque cada vez mais essa sensação. Esse é o principal fato que faz com que a pessoa se torne viciada, cada vez mais, em comida.

O vício em comida afeta um número crescente da população. (Foto: divulgação)

Conheça os sinais e sintomas para reconhecer um viciado em comida

Separamos abaixo algumas manifestações que podem ser sugestivas de que o indivíduo possa ser um viciado em comida. Conheça abaixo, quais são eles:

  • A pessoa passa a comer, mesmo quando não está com fome;
  • O indivíduo come, mesmo após estar satisfeito;
  • O hábito de comer em excesso faz com que a pessoa se sinta culpada;
  • A obsessão com o controle do peso colabora com o desenvolvimento de transtornos alimentares, como anorexia e bulimia;
  • Devido ao estresse ou a tristeza, a pessoa ingere comida em excesso.

Saiba quando procurar a ajuda de um especialista

Após reconhecer os sinais e sintomas que um indivíduo viciado em comida pode apresentar, conheça abaixo quais são os passos a serem seguidos para procurar ajuda médica.

  • Busque a orientação de um médico geral – em geral, o indivíduo que apresenta vício em comida, pode desenvolver, a longo prazo, obesidade, distúrbios alimentares e diabetes.
  • Terapeuta – é muito importante que o indivíduo com esse problema, busque a ajuda de um psicólogo, pois essa é a melhor forma de tratar problemas emocionais mais profundos e que podem ser os responsáveis pelo seu desencadeamento.

Conheça as atitudes que podem auxiliar no controle do vício em comida

Logo após saber reconhecer as manifestações que estão relacionadas ao vício em comida, o indivíduo pode adotar algumas atitudes que o auxiliam no controle do problema. Entre elas, podemos citar:

  • O indivíduo deve aprender a identificar as comidas que ele é viciado;
  • A redução da ingestão de alimentos deve acontecer aos poucos;
  • Iniciar a prática de atividade física, é essencial.

    Os viciados em comida podem manifestar transtornos alimentares. (Foto: divulgação)

Apesar de ser um problema pouco conhecido, muitas pessoas sofrem com o vício em comida. Após saber o que fazer com esse hábito, é muito importante buscar a ajuda de um profissional, de modo a evitar futuras consequências.

Conheça os famosos que são viciados em sexo.

Top