Viagem para Ribeirão Preto

Nós gostamos de dar dicas de viagens para nossos leitores. Através de nossas dicas, podemos mostrar lugares que já são conhecidos por determinado ponto…

Por Redacao em 18/05/2011

Nós gostamos de dar dicas de viagens para nossos leitores. Através de nossas dicas, podemos mostrar lugares que já são conhecidos por determinado ponto turístico ou evento, mas que também existem outras atrações super interessantes que podemos conferir nessas cidades que recomendamos. Então, sempre vale a pena comentar um pouco mais além do que todo mundo já conhece em alguma cidade.

Nesse artigo, iremos falar um pouco da cidade de Ribeirão Preto, localizada no interior de São Paulo, e que fica a 336 km de distância da capital paulista. Apesar de ser uma cidade não muito grande, com apenas 652 km quadrados, ela é bem populosa, com mais de 600 mil habitantes, sendo a oitava cidade mais populosa do estado, e a terceira maior cidade do interior paulista, perdendo apenas para Campinas e São José dos Campos.

A cidade foi fundada em 1856 com alguns conjuntos de fazendas para a criação de gado, mas a cidade ganhou notoriedade de verdade no setor de café, que foi próspera até o ano de 1929, onde houve uma grande crise econômica no setor e assim, levou ao fim uma fase de forte poder do município.

O crescimento exponencial da cidade (na época uma província) aconteceu depois da assinatura da Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil. Dessa forma, o governo de São Paulo estimulou a vinda de imigrantes da Europa, o que causou um grande aumento da população, onde mais de 80% da população da cidade eram de italianos.

E quando falamos de Ribeirão Preto, não podemos deixar de citar uma outra história conhecida mundialmente: Em 1879, a família Dumont se mudou da cidade de Valença (RJ) para Ribeirão Preto, e moraram na Fazenda Arindeúva. Na época, a família se mantia ocupada no plantio do café através da sua empresa, Dumont Coffee Company. O chefe da família era do Dr. Henrique Dumont, que trouxe sua esposa e oito filhos para a cidade, entre eles um jovem ousado chamado Alberto Santos Dumont.

Depois de uma viagem que a Família Dumont fez para Paris no ano de 1891, Santos Dumont começou a se apaixonar pela mecânica, e especialmente pelo motor de combustão interna, o que depois de algum tempo o estimulou a criar um balão, e anos depois, criar o seu avião. A partir daí, o resto é história. A vida de Santos Dumont é marcada por dezenas de invenções, algumas que deram certo e outras não, mas as alternativas fizeram história na vida desse homem e da cidade onde morou.

Vocês imaginavam que havia tanta história assim em Ribeirão Preto? A herança cultural que a cidade possui é inestimável para nosso país, e também podemos falar do Museu Portinari, onde o famoso pintor passou sua infância e juventude, e existem vários itens pessoais da família e do ateliê do artista.

Também existe o Teatro Pedro II, que é o terceiro maior teatro de ópera do Brasil, que tem capacidade para mais de 1.500 pessoas. Agora, quem gosta de culinária irá adorar a gastronomia de Ribeirão Preto, com receitas de origem brasileira e de outros lugares do mundo, como a Tailândia, e alguns países da Europa.

Para viajar até Ribeirão Preto, você pode adquirir pacotes turísticos em agências como a CVC, acessando o site através desse link, e assim você pode aproveitar preços muito bons e conhecer também uma das cidades mais lindas do Brasil. Não perca a oportunidade e confira os preços acessando a página da CVC na internet.

Top