Verrugas: como tratar, como remover

As verrugas constituem um grande problema estético, são frequentemente causadas por vírus e podem ser transmitidas de uma pessoa para outra através do simples…

Por Editorial MDT em 27/12/2012

As verrugas constituem um grande problema estético, são frequentemente causadas por vírus e podem ser transmitidas de uma pessoa para outra através do simples contato físico ou, em situações menos frequentes, se espalhar para diferentes regiões do corpo na mesma pessoa.

As verrugas trazem grande prejuízo estético. (Foto: divulgação)

Nem sempre a lesão visível a olho nu aparece rapidamente, e em alguns casos pode decorrer meses após o contato, até que seja possível notar a indesejada lesão. Entenda como tratar e remover verrugas.

Conheça o Pintts Verrugas, um tratamento eficiente contra verrugas.

A importância da consulta com dermatologista

Apesar de a infecção viral ser o principal motivo de aparecimento de verrugas, ele não é o único. Por isso é importante procurar auxílio de dermatologista antes de tentar remover a lesão por conta própria, o que também não é recomendado, uma vez que existem diversos métodos seguros para ficar livre das verrugas.

A consulta médica é fundamental para determinar a razão do surgimento da lesão e tratar sua causa e não simplesmente removê-la, pois, formações verrucosas podem ser a manifestação de outras doenças dermatológicas importantes e que precisam de outras formas de tratamento associado.

Verrugas genitais

As verrugas genitais são comumente causadas pelo papilomavírus (HPV) e costumem ser extremamente contagiosas. É necessário que o público feminino tenha muito cuidado com esse tipo de doença, pois o HPV está intimamente relacionado à maior incidência de câncer de colo de útero.

Como tirar as verrugas

O tratamento recomendado para as verrugas virais comuns é sua remoção, e a escolha do método deve ser indicada pelo especialista, levando em consideração fatores como o tamanho e localização da lesão e seu tempo de desenvolvimento.

É possível que algumas verrugas desapareçam sem nenhum tipo de tratamento, voltando a reaparecer após algum tempo ou, como na maioria dos casos, mantendo-se ao longo dos anos. Os principais métodos para eliminar verrugas são:

É importante fazer uma consulta com dermatologista para avaliar a lesão. (Foto: divulgação)

Crioterapia ou criocirurgia

Nesse método a lesão é removida por congelamento de suas células, obtido pela aplicação de azoto/nitrogênio líquido. Outra vantagem desse método é que a reação inflamatória local que ele desencadeia faz com que o organismo reconheça o vírus como um agente estranho, passando a produzir anticorpos para combatê-lo.

Aplicação de substâncias químicas e injeções

É possível aplicar substâncias cáusticas sobre a verruga, ou ainda tratar com injeção de medicamento anticancerígeno. Essas técnicas inibem a multiplicação celular e matam as células já existentes, mas pode ser bastante dolorido e com alguns efeitos secundários.

Remoção cirúrgica ou a laser

É uma maneira rápida e bastante eficiente na remoção de lesões de pele. Geralmente é necessário que seja feita anestesia local.

Terapia imunológica

Esse tipo de tratamento é reservado para os casos de verrugas resistentes aos tratamentos anteriores e consiste na aplicação local de substâncias capazes de modular a resposta imunológica, estimulando o organismo a desenvolver uma defesa natural e muito eficiente.

Descubra os mitos e verdades sobre o olho de peixe.

A crioterapia oferece remoção segura da verruga. (Foto: divulgação)

As verrugas são lesões geralmente virais, que trazem um grande prejuízo estético. Felizmente, com o adequado acompanhamento médico, podem ser removidas com eficiência e total segurança.

Top