Veja como solicitar o auxílio-inclusão

Felipo Bellini 02/10/2021 Economia

O Auxílio-inclusão, pago pelo Governo Federal, inicia hoje, 1° de outubro de 2021. Pelo que foi estabelecido pela lei, o INSS ficou responsável por realizar este pagamento no valor de 550 reais, metade de um salário mínimo, para pessoas idosas e com deficiência moderada ou grave, com o intuito de reingressar esses indivíduos no mercado de trabalho.

Para poder solicitar este benefício, é preciso antes se enquadrar em alguns requisitos, são estes:

  • Realizar atividades remuneradas e ganhando o Benefício Assistencial de Prestação Continuada;
  • Conter o cadastro do Cadúnico atualizado;
  • A renda familiar encaixar no critério requerido para obter o acesso ao Benefício Assistencial de Prestação Continua;
  • Que o embolso seja abaixo de dois salários mínimos;
  • Inscrição regular no CPF.

 O pedido do benefício pode ocorrer no INSS de forma presencial, aplicativo ou site.

Quem pode ter acesso ao auxílio?

Uma pessoa idosa ou que tenha alguma deficiência e que também possa trabalhar de maneira formal, com Carteira assinada, pode solicitar o benefício desde que:

  • Tenha inscrição no INSS como usufruidor do BPC;
  • Ser deficiente ou idoso;
  • Conter um emprego formal de Carteira assinada;
  • Possuir uma renda de até dois salários mínimos.

Aqueles que receberam o BPC nos últimos 5 anos no começo da atividade remunerada poderá também solicitar o auxílio-inclusão. 

Sobre o auxílio

Quando o pagamento do auxílio for executado, deixarão de receber o Benefício Assistencial de Prestação Continuada, pois já estarão trabalhando e ganhando um salário. Porém, em situações do beneficiário perder o emprego com a Carteira assinada não irá mais receber o auxílio-inclusão e voltará a ter acesso ao BPC.

Veja como solicitar o auxílio-inclusão

Fonte/Reprodução: Original

O auxílio será cortado caso o trabalhador receba um aumento, e este aumento faça com que o salário total ultrapasse o valor de dois salários mínimos. Aqueles que tiverem Seguro-Desemprego, benefícios pagos pela Previdência, como aposentadoria, pensão, entre outros, não poderão receber o auxílio-inclusão.

Por se tratar de uma assistência do Governo Federal, o auxílio não dará descontos nem direito ao décimo terceiro salário.

O valor dado de 550 reais não será incluso na renda familiar, desta forma, proporcionando a persistência do Benefício Assistencial de Prestação Continuada ou de algum distinto auxílio-inclusão de outro membro da família. 

Estímulo para os trabalhadores

O auxílio-inclusão servirá como um estímulo para que as pessoas idosas e deficientes se interessem e ingressem no mercado de trabalho, de modo que todas as vagas que são destinadas a estes, sejam preenchidas completamente.

Outros artigos

Curso de Geografia a Distância – EAD

05/10/2010

Curso de Geografia a Distância – EAD

O curso de licenciatura em geografia tem como foco abordar conhecimentos na Educação Ambiental, a Universidade de Brasília – UnB disponibiliza através do ensino a di...

Santa Lolla coleção 2012

03/04/2012

Santa Lolla coleção 2012

Criada em 2002, a marca de calçados, bolsas e acessórios Santa Lolla traz tendências mundiais para as mulheres que adoram usar sapatos de alta qualidade para o traba...

Como fazer um mini jardim para apartamentos

03/07/2016

Como fazer um mini jardim para apartamentos

Aprenda como fazer um mini jardim para apartamentos. Esse projeto especial, também conhecido como terrário, leva um pouco da natureza para dentro do apê, através de ...