Tudo sobre a vacina contra a catapora do SUS

O SUS (Sistema Único de Saúde) oferecerá a vacina contra a catapora a partir deste mês de setembro. Trata-se da tetraviral, que inclui a…

Por Isabella Moretti em 04/09/2013

O SUS (Sistema Único de Saúde) oferecerá a vacina contra a catapora a partir deste mês de setembro. Trata-se da tetraviral, que inclui a imunização da doença causada pelo vírus Varicela Zóster como um dos seus principais pontos fortes.

O SUS começou a aplicar a vacina contra catapora. (Foto:Divulgação)

A catapora é uma doença comum da infância, mas que ultimamente tem gerado preocupação. Aproximadamente 11 mil pessoas são internadas anualmente em virtude da doença.

De acordo com o Ministério da Saúde, foram investidos R$ 127,3 milhões para a compra de 4,5 milhões de doses. Com a inclusão da vacina no calendário nacional, estima-se que as hospitalizações por causa da catapora serão reduzidas em 80%.

O Ministério afirmou ainda que a vacina contra a catapora vai evitar mais de 160 mortes a cada ano. Até o fim de setembro, 34 mil salas de vacinação serão distribuídas em todo o país.

Tudo sobre a vacina contra a catapora

Confira a seguir as principais informações sobre a vacina contra a catapora:

• A aplicação da nova vacina acontecerá em duas doses. A criança será vacinada pela primeira vez assim que completar 1 ano de idade. Já o reforço será aplicado quando ela completar 4 anos de idade.

A princípio, a imunização gratuita será para crianças com 15 meses de idade. (Foto:Divulgação)

• Neste ano, para receber a vacina contra a catapora, as crianças já precisam ter tomado a tríplice viral, que protege contra caxumba, sarampo e rubéola.

•A vacina contra a catapora estará disponível na rotina dos postos de saúde e vai substituir a segunda dose da tríplice viral.

• A nova vacina não garante que a criança não vai desenvolver catapora ao longo da vida, mas pelo menos garante um quadro mais leve da doença.

• A partir desta segunda-feira (2), as crianças serão vacinadas gratuitamente contra a catapora em toda a rede pública de saúde.

•Antes da iniciativa do SUS de investir na tetraviral, a vacina contra a catapora era encontrada em consultórios particulares pelo preço médio de 120 reais.

• A princípio, a imunização gratuita será para crianças com 15 meses de idade.

• A vacina contra a catapora, em geral, não tem reações adversas, mas em alguns casos ela pode causar irritabilidade, febre, dor de cabeça e dor no local da injeção.

Sobre a catapora

A catapora é uma doença viral típica da infância. (Foto:Divulgação)

A catapora, também conhecida como varicela, é uma doença causada por vírus e altamente contagiosa, principalmente durante a primeira infância. Os principais sintomas são febre, dores de cabeça, mal estar, falta de apetite, surgimento de pintinhas vermelhas pelo corpo e coceira.

A transmissão da catapora acontece através do contato com gotícula de saliva, tosse, espirro e contato direto com líquido de feridas. O tratamento da doença consiste no controle dos sintomas.

Top