Tratamento caseiro para Chulé

O chulé é um problema que acomete muitas pessoas e pode ser desencadeado por vários fatores. Ele é uma espécie de odor gerado pelas bactérias…

O chulé é um problema que acomete muitas pessoas e pode ser desencadeado por vários fatores. Ele é uma espécie de odor gerado pelas bactérias que se alojam nos nossos pés. Saiba mais sobre ao assunto e confira dicas de tratamento caseiro para chulé.

O chulé é um problema muito comum. (Foto: divulgação)

O que é chulé e suas causas

O chulé é cientificamente chamado de bromidose plantar, é causado pelo excesso de suor na planta dos pés. O problema pode ser potencializado pela falta de higiene, que leva a proliferação de bactérias e fungos. O excesso de suor também pode estar ligado a doenças como hipertireoidosmo, diabetes e obesidade.

Depois de se alimentarem dos restos de pele morta e do suor acumulado nos pés, as bactérias eliminam compostos como ácido isovalérico e metanotiol, causando odor característico. O cheirinho de queijo do chulé é devido a presença de bactérias semelhantes aquelas que fermentam o leite para a produção de queijo.

O ambiente quente, úmido e escuro que envolve os pés de quem usa calçado fechado é propício para ação e proliferação de microrganismos. Isso é válido para a maioria das doenças que se manifestam nessa região.

Os pés podem ser lavados com cipestre. (Foto: divulgação)

Veja também dicas de como combater o chulé 

Tratamento caseiro para chulé

1. Chá de camomila: lave os pés com chá de camomila, pois ele possui um efeito suavizante e ajuda a mudar o pH da pele. Esse método ajuda a secar os pés e diminuir a umidade, contribuindo para evitar o chulé;

2. Cipestre: é um excelente remédio natural para acabar com o chulé. Escalde os pés com essência de lavanda, de cipestre e patchuli. Coloque todas elas em uma bacia com água morna e mergulhe todos os dias os pés durante 15 minutos;

3. Sal: a umidade local pode ser reduzida com a lavagem dos pés com água e sal. Coloque em uma bacia água morna e 4 colheres de sal. Deixe os pés mergulhados por 10 minutos;

4. Chá preto ou chá verde: são ótimas opções para diminuir o suor e umidade. Deixe os pés de molho durante 15 minutos todos os dias;

5. Vinagre: antes de dormir, coloque em uma bacia com água morna duas colheres de sopa de vinagre. Deixe de molho por 10 minutos e em seguida seque bem os pés;

6. Alimentação: o chulé pode ser provocado pela deficiência de zinco no organismo. Sendo assim, acrescentar alimentos ricos em zinco na dieta como maçã, banana, morango e abacaxi, pode ajudar a reduzir o chulé;

7. Higiene: a higienização dos pés e calçados é essencial para evitar e acabar com o chulé. Antes de utilizar os calçados, certifique-se de que eles estão secos e aplique talco em seu interior.

Os sapatos e pés devem ser sempre bem limpos. (Foto: divulgação)

Veja também chulé por que acaba surgindo 

O chulé é causado pela proliferação de fungos e bactérias. Geralmente esse problema é desencadeado pela má higienização dos pés e calçados. O tratamento caseiro é muito eficaz para acabar com o chulé. Aposte nas dicas citadas acima e fique livre desse incômodo.


Top