Trabalho voluntário na carreira: benefícios

O trabalho voluntário faz bem para qualquer pessoa. O simples fato de doar parte do seu tempo em prol de uma instituição ou cidadão…

Por Élida Santos em 04/03/2013

O trabalho voluntário faz bem para qualquer pessoa. O simples fato de doar parte do seu tempo em prol de uma instituição ou cidadão em particular faz bem, além claro, de ajudar o próximo. Ser um voluntário nas mais diferentes situações repercute de modo positivo, inclusive funciona como agregador na sua carreira profissional. Contratar uma pessoa solidária, que não se ocupa somente com o seu bem-estar, é bem positivo para que o ambiente corporativo fique melhor.

Leia mais sobre: Os benefícios do trabalho voluntário

O trabalho voluntário dignifica o homem (Foto: Divulgação)

Empresas voluntárias

A quantidade de companhias brasileiras, de todos os portes, que apoia comunidades e instituições é grande e vem crescendo a cada ano. O envolvimento de uma corporação em uma ação de cidadania é um ato social, mas sobretudo, faz bem a imagem de seus produtos. Mas, em muitos casos, existe um interesse legítimo em ajudar e retribuir à sociedade da qual a empresa tira seu sustento.

O trabalho voluntário incentivado pelas empresas é fundamental para que os funcionários busquem esse tipo de atividade. Desse modo, existe uma motivação extra no emprego, e de quebra, uma ajuda a comunidade. Em companhias com essa cultura uma pessoa que já tem uma rotina ligada a ações voluntárias ganha destaque ao concorrer a uma vaga em processos de seleção para essa empresa, pois já se enquadra em um dos pontos de compatibilidade sempre buscado pelo empregador.

Saiba mais sobre: Dicas de trabalho voluntário

Trabalho voluntário faz muito bem para a carreira (Foto: Divulgação)

Trabalho voluntário ajuda funcionário a se destacar

Participar de trabalho voluntário também é importante para que o profissional ganhe destaque internamente, ficando mais próximo de uma promoção. Se a pessoa é engajada e tem o hábito de participar de atividades do gênero que têm vínculos com a empresa isso é claramente visto entre os colegas. Agora, se o trabalho voluntário desempenhado acontece de forma totalmente independente, isso pode passar despercebido por muito tempo, a não ser que comente com colegas.

Porém, bom mesmo é ser voluntário por amor ao próximo e não para se promover socialmente ou até no mercado corporativo. Participar de grupos que fazem o bem  é importante para a sua alma, pois você acaba ficando revigorado, feliz e conhece problemas muito maiores que os seus, e com isso, passa a encará-los com outro olhar.

Top