Tipos de cirurgias bariátricas

Conheça os tipos de cirurgias bariátricas e saiba como essa técnica é uma grande aliada das pessoas que estão na luta contra a obesidade,…

Conheça os tipos de cirurgias bariátricas e saiba como essa técnica é uma grande aliada das pessoas que estão na luta contra a obesidade, podendo proporcionar muito mais qualidade de vida para quem passa pelo procedimento.

Tipos de cirurgias bariátricas (Foto Ilustrativa)

Nem sempre as dietas e a prática de exercícios físicos com regularidade são suficientes para acabar com o excesso de peso, principalmente nos casos mais graves. Quando isso acontece, a cirurgia de redução de estômago aparece como uma alternativa bastante interessante.

Recomendada para as pessoas com IMC (Índice de Massa Corpórea) igual ou maior que 35, associado a casos de doenças como diabetes e hipertensão, entre outros casos, a cirurgia bariátrica oferece uma grande melhora na qualidade de vida da pessoa, que vai muito além da estética, conforme se costuma pensar.

10 benefícios da cirurgia bariátrica

Novas regras para cirurgias bariátricas no SUS

Tipos de cirurgias bariátricas

Bypass gástrico (Foto Ilustrativa)

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCM), existem quatro tipos de cirurgia bariátrica e metabólica, cuja escolha varia de acordo com o peso e a saúde do paciente, entre outros fatores.

As opções disponíveis atualmente são:

– Bypass gástrico

Cirurgia bariátrica mais praticada no Brasil, consistindo no grampeamento de parte do estômago, reduzindo o espaço para o alimento, e em um desvio do intestino inicial, o que aumenta a produção de hormônios que promovem a saciedade, diminuindo a fome.

– Banda gástrica ajustável

Nesse caso, um anel de silicone inflável e ajustável é colocado ao redor do estômago, apertando mais ou menos o órgão, o que possibilita controlar o esvaziamento do estômago.

Gastrectomia vertical (Foto Ilustrativa)

– Gastrectomia vertical

Leia Também:  Goji Max - Verdade ou Mentira? Não compre antes de Ler isto!

O procedimento transforma o estômago em um tubo, de capacidade de limitada, provocando boa perda de peso.

– Duodenal Switch

Retira cerca de 85% do estômago, mas a anatomia básica e a fisiologia de esvaziamento do órgão são mantidas.

A técnica do balão intragástrico não é considerada cirurgia

Geralmente, a cirurgia bariátrica oferece ótimos resultados na redução do peso (Foto Ilustrativa)

Ainda entre os tipos de cirurgias para redução do estômago, é comum citar a técnica do balão intragástrico. No entanto, de acordo com a SBCM, esse procedimento não é considerado cirúrgico.

Ele consiste no implante de uma prótese de silicone, realizado por endoscopia, que ajuda a provocar o aumento da saciedade e a redução da capacidade gástrica. O balão é utilizado pelo paciente, em média, durante seis meses.

Top