Teste de colisão de carros brasileiros mostra evolução na segurança

Depois de três anos de testes de segurança de carros em colisões, a Latin NCAP deu cinco estrelas pela primeira vez a um veículo brasileiro. O feito inédito aconteceu em novembro de 2013. A pedido da fabricante, o Ford EcoSport feito em Camaçari (BA) foi testado e levou nota máxima, ao lado de outros dois modelos latino-americanos: a terceira geração do Ford Focus, fabricado na Argentina, e o Volkswagen Jetta, produzido no México.

Teste de colisão é necessário (Foto: Divulgação)

Segundo informações da organização dos testes feitos com carro, houve um progresso evidente no nível de segurança dos automóveis da América do Sul e Latina. A instituição começou a fazer as avaliações na América Latina no ano de 2010, sendo que a quantidade de veículos testados chegaram a 39, mas nem todos estão disponíveis no Brasil.

 

Análise de carros em teste drive: entenda como funciona

Os automóveis são analisados em acidentes frontais a 64 km/h com bonecos equipados com sensores. Para garantir que o carro testado é o mesmo que o consumidor tem acesso, o instituto compra os veículos em concessionárias comuns, nas configurações básicas. Depois, o veículo é levado para a Alemanha, onde são realizados os testes. Cinco veículos disponíveis na América Latina receberam zero estrela. Assista um vídeo de um dos muitos testes feitos com carros da Ford pela Latin NCAP:

 

 

Veja a seguir os carros disponíveis no mercado nacional que já foram testados pelo Latin NCAP:

 

Ford EcoSport (Foto: divulgação)

1.     Ford EcoSport

No impacto frontal a proteção da cabeça do motorista e do acompanhante recebeu boa proteção, isso porque devido aos sistemas de retenção eles acabaram protegidos. O cinto de segurança do acompanhante não tinha pré-tensionador, mas o do motorista possui o item. Na parte do painel, algumas peças foram consideradas um perigo para os joelhos dos passageiros em caso de impactos frontais.

De acordo com os comentários do Latin NCAP o automóvel cumpriu com os requerimentos de teste lateral da regulamentação UN-R95. O EcoSport possui lembretes de cintos que cumprem com os requerimentos de avaliação do Latin NCAP. O modelo EcoSport sob o número de VIN 9BFZB55P9 E8843021 (produção desde agosto de 2013) atinge resultados de cinco estrelas quando o tópico de avaliação é a segurança do passageiro adulto.

Ford Focus III (Foto: Divulgação)

2.     Ford Focus III


A cabeça e o pescoço do motorista receberam boa proteção no impacto frontal. Os sistemas de retenção deixam o peito do motorista e do acompanhante seguros. Os joelhos foram protegidos de modo aceitável,  sendo demonstrado que essas partes proporcionam um nível de proteção similar para passageiros de diferentes tamanhos ou sentados em diferentes lugares. A área dos pés ficou quase que intacta, demonstrando boa segurança. A carroceria foi considerada estável e capaz de resistir maiores cargas. O resultado do teste drive é válido para as versões hatchback e sedan, sendo cinco estrelas na segurança de adultos.

Chevrolet Malibu (Foto: Divulgação)

 

3.     Chevrolet Malibu


Cabeça, o pescoço e o peito do motorista tiveram uma boa avaliação de proteção. A cabeça do teve um impacto instável com o airbag, tendo um impacto no painel; porém, teve boa proteção também. A proteção com relação aos joelhos do motorista e do acompanhante foram aceitáveis, sendo que demonstraram que essas partes proporcionam um nível de proteção parecida para passageiros de diferentes tamanhos ou sentados em diferentes lugares. A área dos pés ficou quase que intacta com o impacto.

Volkswagen Jetta

(Foto: Divulgação)

4.     Volkswagen Jetta


Carro cinco estrela para a segurança dos adultos e quatro estrelas pras as crianças. Isso porque a cabeça e o pescoço do motorista e do acompanhante tiveram boa proteção no impacto frontal. O peito também foi bem protegido e as leituras em relação aos joelhos do motorista e do acompanhante foram aceitáveis.

Chevrolet Agile (Foto: Divulgação)

5.     Chevrolet Agile


De acordo com o Latin NCAP esse carro foi avaliado zero estrelas para a segurança de adulto e uma para a segurança das crianças. A proteção da cabeça do motorista foi baixa; e a proteção do peito do motorista foi fraca, devido ao contato com o volante. Os joelhos teriam impacto contra o painel que podem causar lesões graves.

Chevrolet Celta (Foto: Divulgação)

6.     Chevrolet Celta


A pontuação do Chevrolet Celta foi limitada a uma estrela na segurança de adultos pelo alto risco de morte. Já para a segurança das crianças a avaliação é de duas estrelas.  A cabeça não é protegida como deveria, as pernas teriam lesões graves e a carroceria não resiste a impactos frontais.

Chevrolet Classic (Foto: Divulgação)

7.     Chevrolet Classic


A pontuação para o Classic foi de uma estrela na segurança de adultos e crianças, isso porque existe alto risco de morte quando tem impacto frontal, pois a cabeça do motorista bate no volante. A proteção do peito de motoristas e dos passageiros é baixa, e existem estruturas perigosas na parte baixa do painel, machucando gravemente as pernas em caso de batidas.

Chevrolet Cruze LT (Foto: Divulgação)

 

8.     Chevrolet Cruze LT


A Latin NCAP considerou o carro quatro estrelas para segurança de adultos e três para crianças. No impacto frontal, as cabeças do motorista e do acompanhante foram bem protegidas pelos resistentes airbag e a proteção do peito foi adequada. O painel não impactou no joelho, porém as estruturas perigosas na parte baixa do painel poderiam impactar contra os joelhos de um passageiro mais alto que a estatura média.

Fiat Novo Uno Evo (Foto: Divulgação)

9.     Fiat Novo Uno Evo


O Latin NCAP de uma pontuação para o Novo Uno limitada a uma estrela para a segurança dos adultos, isso porque o alto risco de morte é evidente decorrente do impacto da cabeça do motorista no volante e a baixa proteção do peito. Joelhos e fêmur podem ser lesionados e o rompimento do assoalho representa perigo para os pés e membros inferiores do motorista.

Ford New Fiesta (Foto: Divulgação)

10.   Ford New Fiesta

Quatro estrelas para a segurança de adultos e crianças, o carro avaliado no impacto frontal, teve um alto impacto no fundo do airbag. O peito recebeu uma boa proteção nesse caso. A estrutura protegeu bem os passageiros do impacto, mas algumas coisas no painel precisam ser refeitas para não machucar as pernas e pés do passageiros.

Reply