Termos de Utilização da PSN não Permitem que Jogador Processe a Sony

A PSN, rede online para o console Playstation 3 e o portátil PSP, atualizou os termos de utilização do serviço […]

A PSN, rede online para o console Playstation 3 e o portátil PSP, atualizou os termos de utilização do serviço. Agora, quem aceitar jogar na rede online, estará concordando em não levar a Sony aos grandes tribunais e nem participar de ações conjuntas contra a empresa.

Segundo o site Kotaku, a cláusula diz: ” Além dos assuntos listados na cláusula Exclusões de Arbitragem, você e a Enttidade da Sony com a qual você tem uma Disputa concordam em buscar resoluções da Disputa somente por Arbitragem dessa Disputa, de acordo com os termos dessa seção 15 e não litigar Disputas em tribunal. Arbitragem significa que a Disputa será resolvida por um árbitro neutro, em vez de um juiz ou júri em um tribunal.”

Mesmo que você tenha concordado sem ler, ainda é possível recorrer enviando uma mensagem para a Sony Entertainment Network até 30 dias depois de ter aceito os novos termos. Aliás, o normal é clicar nos termos rapidamente, para não perder tempo de jogo.

A medida, que está sendo vista de forma péssima pelos usuários do serviço, é resultado dos processos que a empresa sofreu por ter sido atacada por hackers nos últimos tempos.

Top