Técnicas de respiração para o parto

Mesmo nos dias atuais, muitas gestantes optam pela realização do parto vaginal ao aparto cesariano. No entanto, para que o trabalho de parto ocorra…

Mesmo nos dias atuais, muitas gestantes optam pela realização do parto vaginal ao aparto cesariano. No entanto, para que o trabalho de parto ocorra de maneira adequada, a futura mamãe deve seguir algumas orientações, incluindo as técnicas de respiração. Tendo isso em vista, conheça mais sobre as técnicas de respiração para o parto.

Saiba como lidar com o medo do parto.

Muitas mulheres ainda optam pela realização do parto normal. (Foto: divulgação)

Saiba por que a respiração durante o parto é importante

A respiração ajuda bastante o parto vaginal (normal). Durante o trabalho de parto, a gestante deve poupar o máximo de energia possível, de modo a ofertar quantidade ideal de oxigênio para o feto. Através de uma respiração adequada, a gestante consegue atingir essa função, pois evita a exaustão.

Respiração durante o trabalho de parto

É muito importante que a gestante mantenha o ritmo da respiração. Assim, ela deve evitar que a inspiração seja mais rápida que a expiração e vice-versa. Essa manutenção evita que a mulher respire rápido demais, o que pode comprometer seu bem estar, assim como o fornecimento de oxigênio ao seu filho.

Técnicas de respiração para o parto

Durante o parto vaginal, as futuras mamães devem seguir algumas instruções que são imprescindíveis para que o procedimento aconteça de forma adequada. Tendo isso em vista, conheça abaixo algumas informações sobre as técnicas de respiração para o parto.

  • A gestante deve se concentrar na respiração, em especial durante a expiração (liberação do ar);
  • Quando possível, a futura mamãe pode contar o tempo de inspiração e expiração. Assim, durante a inspiração, a gestante deve contar até três ou quatro, realizando o mesmo procedimento durante a expiração;
  • A gestante deve respirar pelo nariz e soltar pela boca. É muito importante que a mulher deixe a bica relaxada, durante a expiração;
  • Durante a prática da respiração, é importante que as mulheres realizem pequenos goles de água, para evitar que a boca fique muito ressecada.

    Saiba mais sobre as técnicas de respiração para o parto. (Foto: divulgação)

Saiba como respirar e fazer força durante o trabalho de parto

Durante a segunda fase do trabalho de parto, a futura mamãe deve fazer força para que o bebê consiga sair através do canal de parto. No entanto, além da força, a gestante deve se concentrar na respiração, de modo a evitar a exaustão. Durante a realização da força, a mulher se concentrar em fazer uma pressão em direção da vagina, evitando a pressão na garganta. Entre os intervalos das contrações, a gestante pode respirar fundo, colaborando com a retomada da energia.

Praticar a respiração é essencial para que o trabalho de parto seja eficaz. (Foto: divulgação)

Para que o parto vaginal aconteça de maneira ideal e sem intercorrências. É muito importante que a futura mamãe siga as orientações dadas a ela durante o trabalho de parto. Após conhecer mais sobre as técnicas de respiração para o parto, siga as dicas e obtenha os benefícios.

Leia Também:  Cores neutras: onde usar na decoração

Saiba mais sobre o parto humanizado.

Top