Tabela de Carros Usados 2011

Se você pretende vender o seu carro usado para adquirir um carro zero, o melhor a fazer é pesquisar pelo seu preço em uma…

Por Editorial MDT em 29/06/2011

Se você pretende vender o seu carro usado para adquirir um carro zero, o melhor a fazer é pesquisar pelo seu preço em uma tabela de carros usados 2011. A partir dessa tabela, você saberá qual é o valor do seu carro e poderá deixá-lo na troca por um carro novo. No entanto, as concessionárias geralmente pagam um valor menor que o da tabela nos carros usados porque eles serão repassados aos próximos donos pelo preço dela. Portanto, se você não quer perder dinheiro na venda do seu carro, o melhor a fazer é tentar vendê-lo particularmente, ou seja, colocando uma placa de “Vende-se” no seu automóvel e negociá-lo com os interessados.

A tabela de carros usados utilizada em todas as transações é a da FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas). Tal fundação não tem fins lucrativos, é de direito privado e foi criada em 1973 para servir de apoio ao Departamento de Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (USP).

A FIPE calcula vários índices de valores de diversas áreas, estudando os fenômenos econômicos e sociais baseados nos instrumentos teóricos e metodológicos da Economia. Assim, ela contribui para que os problemas sociais e econômicos do país sejam debatidos, para que as políticas econômicas e outras políticas públicas sejam formuladas e para que a importância de tais políticas sejam avaliadas com relação ao crescimento sustentável da economia nacional, ao fortalecimento do sistema produtivo, ao aumento da competitividade, à melhor distribuição de renda e à eliminação da pobreza.

A tabela FIPE pode ser encontrada em jornais, na editoria de automóveis ou pela internet, através do site www.fipe.org.br. A busca pode ser feita através do código FIPE ou completando os campos com a marca, o modelo e o ano do modelo do seu carro. Em poucos segundos, a página processa o mês de referência, o código FIPE e o preço médio do seu carro. Assim, você terá uma base de quanto vale o seu veículo atualmente.

Essa tabela é feita por profissionais altamente competentes na área e que têm muita experiência no ensino e na pesquisa. Por isso, a tabela é confeccionada a partir de estudos do mercado e de pesquisas de vendas dos diversos automóveis. Portanto, geralmente os carros que são mais vendidos têm preços melhores, enquanto carros que estão fora de linha ou que não são tão visados economicamente têm o seu preço bem diminuído a partir da sua compra porque não são interessantes para o mercado. Sendo assim, se você quiser que o seu carro seja valorizado na hora da venda, escolha um modelo clássico que tenha bastante saída. Ele também deve ter uma cor comum como o prata ou o preto porque as cores muito extravagantes fazem com que o automóvel perca o valor, já que menos pessoas procuram por elas.

Ou seja, a tabela de carros usados da FIPE é formulada a partir da lei da oferta e procura. Quanto menos oferta o automóvel tiver e maior procura ele tiver, mais alto será o seu valor no mercado. Por isso, antes de vender o seu carro usado, procure pelo seu preço em uma tabela de carros usados 2011 para conhecer o seu real valor. Assim, você vende o seu carro apenas se estiver de acordo com o valor oferecido pelo comprador, e sem ser enganado.

Top