Sunaholic: saiba tudo sobre o vício em sol

Querer estar bronzeado a qualquer custo pode ser um sintoma de dependência de sol, chamado “sunaholic”. Todo mundo sabe, que tomar Sol em excesso…

Querer estar bronzeado a qualquer custo pode ser um sintoma de dependência de sol, chamado sunaholic”.

Todo mundo sabe, que tomar Sol em excesso e sem proteção pode ser muito prejudicial à saúde, principalmente pelo risco em desenvolver câncer de pele. Apesar das imensas e incansáveis campanhas publicitárias, frisando esse perigo, ainda é grande o número de pessoas que as ignoram e se expõem ao Sol a qualquer custo, independente dos sinais de alerta; esse é um novo grupo de pessoas, os então denominados “sunaholic”, da expressão inglesa, viciados em Sol.

Pessoas portadoras desse vício, não escolhem estação do ano, muito menos as condições climáticas. O que elas desejam é permanecer um bom tempo expostas ao Sol, sobre a areia da praia ou à beira de piscina. Quando isso não é possível, gastam um bom tempo e dinheiro nas câmaras de bronzeamento artificial.

Cientistas e pesquisadores afirmam que o vício em Sol funciona quase da mesma forma que outros tipos de vícios como  álcool, drogas, entre outros; assim, qualquer pessoa está suscetível a desenvolvê-lo. Pesquisadores descobriram que vício em sol pode ser desenvolver por influência biológica, além do fato que os raios ultravioleta provocam sensações de bem-estar e de prazer, levando o indivíduo a querer mais e mais a exposição a ele.

Os raios ultravioleta, em especial o tipo B, colaboram com a estimulação e produção das endorfinas, os neurotransmissores responsáveis pela sensação de bem-estar e prazer. Foi constatado que os níveis de endorfina sobem quando ocorre a exposição aos raios solares, assim como após a ingestão de chocolate ou após a prática de exercícios físicos, por exemplo.

Muitas pessoas relatam sentirem-se mais felizes e com uma boa sensação, após se exporem ao Sol, porém, é necessário estar atento ao perigo de desenvolver o câncer de pele; este é um inimigo real! Para se ter uma ideia, no Brasil, o câncer de pele lidera a lista dos cânceres malignos mais comuns na população, o que é muito preocupante. Assim, é necessário estar atento as manifestações da pele, e, também, se proteger com protetores solares, chapéus, bonés, toda vez que se expuser ao Sol.

Continuar Lendo  Festival de Chocolate em Gramado - Páscoa 2016

Como identificar um sunaholic?

  • Expõem-se ao Sol sem qualquer tipo de proteção;
  • Por mais que estejam bronzeados, nunca é suficiente;
  • Deixam de lado atividades rotineiras, como sociais ou profissionais, para se bronzear;
  • Não se preocupam com o risco de desenvolver câncer de pele;
  • Necessitam do banho de Sol para se sentirem alegres e felizes;
  • Com o medo de perder o bronzeado, expõem-se cada vez mais ao perigo.

Se você conhece alguém com esses sintomas, diga para que procure ajuda. Sol demais deixa a vida em risco.

Top