Soro caseiro: para que serve, como se preparar

A desidratação é um problema que pode ser facilmente combatido, e ainda assim mata cerca de 3 milhões de crianças nos países em desenvolvimento.…

A desidratação é um problema que pode ser facilmente combatido, e ainda assim mata cerca de 3 milhões de crianças nos países em desenvolvimento. A diarreia é a principal causa de desidratação grave, e com os devidos cuidados a maior parte das crianças se recupera sem nenhum tipo de problema. Dentre as que acabam se desidratando, 95% pode ser reidratada por via oral. Saiba mais sobre a importância da hidratação oral, esclareça várias dúvidas e entenda para quê serve e como preparar o soro caseiro.

Saiba mais sobre o soro caseiro. (Foto: divulgação)

Diferença entre Sal de Reidratação Oral e Soro Caseiro

No início da década de 60 foi desenvolvida uma composição cloreto de potássio, cloreto de sódio, nitrato de sódio e glicose, capaz de hidratar o paciente por via oral, sem a necessidade de um acesso venoso. A mistura recebeu o nome de Sal de Reidratação Oral (SRO) e logo começou a ser distribuída, pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em todo o mundo, especialmente nos países subdesenvolvidos.

Atualmente o SRO pode ser adquirido gratuitamente nos Postos de Saúde. Prepará-lo é muito simples, pois o conteúdo da embalagem vem pronto para ser misturado em 1 litro de água filtrada, e deve ser ingerido após cada evacuação, até a diarreia melhorar. O tratamento com SRO é chamado de Terapia de Reidratação Oral (TRO), e é a primeira medida adotada para prevenir ou tratar pessoas com graus leves de desidratação.

Infelizmente, como nem todo mundo tem acesso ao SRO, A OMS recomenda o uso de uma solução alternativa chamada de Solução Sal Açúcar (SSA), que pode ser facilmente preparada em casa e ficou conhecida popularmente como Soro Caseiro. A mistura foi bastante divulgada pela Pastoral da Criança em parceria com o Ministério da Saúde, e ajudou a salvar muitas vidas.

Leia Também:  Dicas de etiqueta para quem namora colega de trabalho

Motivos para utilizar o soro caseiro

Na indisponibilidade de SRO, o Soro Caseiro é uma alternativa muito boa porque, além de ter um custo baixíssimo, possui ótima aceitação pela comunidade, seus ingredientes podem ser facilmente adquiridos e é bastante eficiente na prevenção de desidratação grave. Outra vantagem é que a preparação dessa mistura não depende de um sistema de distribuição, podendo ser preparada precocemente, logo aos primeiros sinais de diarreia.

O soro caseiro é fácil de preparar e pode ser utilizado em casos de emergência. (Foto: divulgação)

Como preparar o Soro Caseiro

Preparar o soro caseiro é bastante simples, e existem várias formas de se obter a mesma mistura. Confira:

  • Sem utilizar medidas específicas

Basta misturar 2 colheres (sopa) rasas de açúcar e 1 colher (café) rasa de sal em 1 litro de água filtrada ou fervida.

  • Utilizando medidas precisas

Quem tiver como medir todos os ingredientes e deseja fazer uma receita bastante exata, deve misturar 20 gramas de açúcar branco e 3,5 gramas de sal em 1 litro de água fervida ou filtrada.

  • Utilizando a colher de medida

Quem possuir a colher de medida, distribuída gratuitamente em Postos de Saúde ou na Farmácia Popular, deve misturar 1 medida rasa de açúcar (o lado maior da colher) e 1 medida rasa de sal (o lado menor da colher) em 200 ml de água filtrada ou fervida.

A diarreia é a principal causa de desidratação grave. (Foto: divulgação)

O Soro Caseiro é uma receita muito fácil de preparar, que deve ser utilizada para prevenir a desidratação em casos onde o não há acesso ao Sal de Reidratação Oral (SRO). Essa medida simples é capaz de prevenir situações graves e até mesmo evitar mortes por desidratação infantil.

Leia Também:  Mala para viagem longa: como organizar

Top